conecte-se conosco


Mato Grosso

CGE e setores de controle interno estreitam atuação pela melhoria dos serviços públicos

Publicado

A atuação do controle interno deve ter como objetivo contribuir para a melhoria dos serviços públicos. Este foi o ponto central do Workshop com a Unidades Setoriais de Controle Interno (Unisecis) do Governo de Mato Grosso, realizado na última semana pela Controladoria Geral do Estado (CGE-MT), como parte da programação dos 40 anos do órgão. 

No evento, auditores da CGE e analistas e técnicos das Unisecis colocaram à mesa as dificuldades, os desafios e as proposições para melhorar o relacionamento institucional e a missão de aprimorar os controles internos do Governo de Mato Grosso.

“As Unisecis são atores de suma importância no sistema de controle interno do Poder Executivo Estadual. A CGE reconhece essa importância, mas precisa que elas também se enxerguem essenciais para o processo e se sintam motivadas a fazer mais e melhor. Contudo, para isso, a interação e integração com a CGE têm de estar afinadas”, disse o secretário-controlador geral do estado, Emerson Hideki Hayashida.

A atuação tanto da CGE quanto das Unisecis, que são extensão da Controladoria em cada órgão estadual, deve ter como alvo agregar valor à gestão pública, e não se ater somente a questões pró-forma, por exemplo.

“Ainda que nossa atividade seja considerada meio, temos de entregar algo à população. E essa entrega é contribuir para a melhoria dos serviços públicos. Devemos garantir, por exemplo, que a aquisição de material escolar seja feita com menor preço e melhor qualidade. Não podemos gastar energia se não tivermos em mente esta missão”, argumentou o secretário-adjunto de Controle Preventivo e Auditoria da CGE, José Alves Pereira Filho.

Para isso, toda a atividade da CGE e das Unisecis deve levar em conta as estratégias, os objetivos e os riscos dos órgãos, dos processos e das ações analisados. “Precisamos ter em mente que, se a atividade que estamos desenvolvendo não alcança a missão de contribuir para a melhoria dos serviços públicos, então não devemos fazê-la, pois, do contrário, estaremos gastando dinheiro público à toa”, salientou o ajunto.

E como fazer para contribuir com a melhoria dos serviços públicos? “Por meio do fortalecimento do controle interno, que é fazer com que ele fique mais imune a falhas, a fraudes e atos de corrupção, para que os processos sejam mais eficientes, para que não haja desperdício com atividades que não levam a lugar nenhum”, explicou José Alves.  

Veja Também:  ‘Operação Natal Feliz’ da PM e Bombeiros ganha adesão em diferentes regiões do Estado

Atualmente, a atuação das Unisecis é mais focada na área meio, mas também está prestes a envolver a área finalística também, já que a CGE, desde 2018, passou a realizar auditorias e controle preventivo em atividades prestadas diretamente ao cidadão, como assistência farmacêutica, licenciamento ambiental, transporte escolar, licenciamento veicular e gestão hospitalar.

“Hoje, estamos fazendo trabalhos que precisam da atuação das Unisecis para melhorar os processos finalísticos também, já que as Setoriais têm mais conhecimento sobre o dia a dia dos órgãos e seus produtos”, acrescentou o adjunto da CGE.

Por isso, no evento, a CGE explanou sobre sua forma de atuação, metodologia de seleção dos objetos a serem avaliados ou auditados, atribuições da Superintendência de Desenvolvimento do Controle Interno, unidade administrativa da Controladoria responsável pela gestão técnica das Unisecis. As Unisecis fizeram suas considerações acerca da abordagem dos auditores na execução das auditorias nas pastas, do formato de elaboração dos relatórios e da viabilidade das recomendações emitidas para solucionar não somente os problemas em si, mas suas causas.  

O superintendente de Desenvolvimento do Controle Interno, Norton Glay Sales dos Santos, ressaltou que um dos principais desafios da Unisecis é convencer os gestores das respectivas secretarias acerca da necessidade de mudanças ou correção de procedimentos não somente por conta de recomendações da CGE mas como um processo de gestão pela melhoria dos serviços públicos.

“Sem contar que, ao aprimorar os processos, vamos diminuir a quantidade de recomendações, muitas vezes reiteradas, emitidas pela CGE”, observou o superintendente.

Boas práticas

No workshop, teve também a exposição de boas práticas pela gestora da Uniseci do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Kesia de Souza Rosa, e pelo ex-gestor da Uniseci Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra), Marx Rocha Camarão, atual gestor da da Uniseci da Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Mato Grosso (Ager). 

Veja Também:  No dia de combate à corrupção, controlador-geral propõe criação de laboratório de controle

No Detran, o fortalecimento da Uniseci envolveu reuniões entre servidores da autarquia e da CGE, visitas rotineiras dos servidores da Uniseci às áreas técnicas do Detran para troca de experiências e mediação de “conflitos”, mensuração da produtividade das atividades das Unisecis, parceria com a área de desenvolvimento organizacional do Detran para participação na construção de fluxos e procedimentos de trabalho, por exemplo.

Já na Sinfra, o pontapé para o fortalecimento da Uniseci foi convencer o gestor da pasta, entre os anos de 2015 e 2018, acerca da importância do trabalho do controle interno. “Conseguimos a confiança do gestor porque passamos a fornecer a ele informações estratégicas para a tomada de decisão. Dessa forma, o controle interno, que antigamente era escanteado, passou a ter sua importância estratégia dentro da gestão”, comentou Marx Camarão. 

Descontração

O evento contou também com momentos de descontração. Um deles foi o “Stand Up do Riso”, com Eloá Pimenta, atriz e servidora da Secretaria de Estado de Saúde (SES), e a palestra “Não é o que você fala, é como você fala”, com o coach Fabiano Henrique Gomes Pereira, servidor da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp). 

Os gestores de cada Uniseci foram agraciados também com o botton comemorativo aos 40 anos da CGE. 

Atribuições das Unisecis

Tecnicamente subordinadas à Controladoria Geral, mas vinculadas aos respectivos órgãos e entidades somente para fins administrativos e funcionais, as Unisecis são células da CGE em cada pasta.

Têm a missão de verificar a estrutura, o funcionamento, a segurança e a aderência às normas dos controles internos das atividades sistêmicas entre outras atribuições previstas na Lei Complementar n. 198/2004 alterada pela Lei Complementar n. 550/2014, sob a supervisão e coordenação técnica da CGE.

As atividades sistêmicas são aquelas relativas ao apoio e aos serviços comuns (planejamento, orçamento, financeiro, contabilidade, patrimônio, aquisições, gestão de pessoal, etc.) para possibilitar a concretização de políticas públicas em todas as áreas.

Confira AQUI a galeria de fotos do Workshop com as Unisecis – 40 anos CGE. 

Fonte: GOV MT
publicidade

Mato Grosso

Confraternização de fim de ano reúne mais de 300 servidores no Palácio Paiaguás

Publicado

Em clima de descontração, os servidores públicos do Palácio Paiaguás tiveram um momento de confraternização na tarde desta sexta-feira (13.12). O evento foi cuidadosamente pensado e executado pela primeira-dama do Estado, Virginia Mendes e a equipe da Unidade de Atendimento à Família (Unaf).

A confraternização lotou o auditório Clóves Vettorato, contando com aproximadamente 300 pessoas. Na abertura, uma celebração cristã, conduzida pelo servidor da Casa Civil, Tony Rachidi, emocionou os presentes, relembrando o verdadeiro significado do Natal, que é o nascimento de Jesus Cristo.

O governador e a primeira-dama fizeram questão de levar uma das filhas do casal, a caçula Maria Luiza para participar. Essa inclusão da família nos eventos públicos já é uma marca desta gestão.

O evento ainda contou com a apresentação musical do servidor público Rafael Rosa, da dupla Anselmo e Rafael e o show do ator e comediante, André D’Lucca, interpretando Comadre Nhara. Como presente, todos os servidores ganharam um panetone, fruto de doação, além do sorteio de mais de 150 brindes dos parceiros da Unaf.

Um destes sortudos foi um dos mais antigos servidores da Casa Civil, Rosinaldo Almeida, carinhosamente conhecido como Chiquinho. O servidor, que atua no Estado há 38 anos, se sentiu muito grato com o gesto de carinho da primeira-dama com os trabalhadores.

“É inédito essa festividade de final de ano aos servidores públicos. Estamos fechando com chave de ouro o ano de 2019, juntamente com todos os colegas de trabalho e isso é muito gratificante”, disse Chiquinho.

E foi exatamente a gratidão que a primeira-dama do Estado quis demonstrar a todos os servidores com o evento. “Este é nosso primeiro ano de gestão e já percebemos o carinho e o empenho destes servidores conosco. A nossa intenção com este evento era devolver um pouco deste empenho e amor”, disse Virginia.

Veja Também:  Três alunas chegam ao topo da classificação geral do ensino médio em Escola Militar

Na oportunidade, o governador Mauro Mendes fez questão de agradecer o empenho dos servidores ao longo do ano, lembrando que este foi um ano de grandes lutas, mas também de muitas conquistas. 

“Esta é uma forma de dizermos o nosso ‘muito obrigado’ para aqueles que realmente estiveram ao lado de Mato Grosso para mudar a realidade que encontramos. Se Deus quiser, nós teremos em 2020 um ano ainda melhor para os servidores e os mato-grossenses, com o governo cumprindo seu papel perante o cidadão”, disse o governador.

O evento também contou com a presença dos deputados Dilmar Dal Bosco e Max Russi, da empresária Margareth Buzetti, do ex-deputado federal, Fábio Garcia e do secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho e sua esposa, Mônica Carvalho.

O titular da Casa Civil elogiou o cuidado e o carinho de Virginia no preparo da confraternização para os servidores e lembrou do papel que cada servidor tem ao longo do ano.

“Hoje é um dia de confraternização, mas nos outros 364 dias do ano estamos aqui cada um com sua missão e cada um com sua função para ajudar as famílias e toda a sociedade mato-grossense. Este dever tem sido feito por vocês de uma forma espetacular, com empenho, dedicação e comprometimento de todos”, destacou Mauro Carvalho.

Veja Também:  Mato Grosso Saúde se transforma em ponto de coleta de alimentos

Parceiros

Todos os brindes foram doados por parceiros da Unaf, a quem Virginia Mendes agradeceu o apoio. “A união de esforços é que tornou este evento possível. Por isso eu gostaria de agradecer imensamente a cada empresa e pessoa que colaborou com este evento. E não poderia deixar de agradecer a maravilhosa equipe da Unaf, que se desdobrou em cuidados e em muito trabalho para tornar este evento inesquecível”, pontuou Virginia.

São eles: Águas do Manso, Antonio Bernardes Joias, Aquarela Multimarcas, Ariani Maluf – Mahallo, Baba de Moça, Bamboo Óculos, Belviso, Big Lar, Bistrô Paris 6, Boi Grill, Casa Prado, Cerverjaria Louvada, Claudia Goreth, Cozinha a Dois, Crepaldi SPA, Cupim Bar, D’Villa Pizzaria, Ditado Popular, Dr. Elson Adorno, Dra. Anelise Felippo, Dra. Claudia Goureth, Dra. Natasha Crepaldi SPA, Emily Interiores, Escola Fato Concursos, Êxtase Kits, Farmácia Belflora, Farmácia Criativa, Gato Mia, Great House, Guidare Car Service, Haras Santa Rita, Hotel Odara, Isabella Girotto, KrisCake, La Provence, Le Soffist, Letícia Malheiros, Loja de Cosméticos La Belle, Martinello Móveis, Mirante das Águas, Personal Nilton César, Pneulandia, Princess Joias, Pró Ótica, Rede Gil Modas, Restaurante Xômano Bistrô, Salão Shez, Santa Oliva, Scotch Store, Sedeme, Simoni Klauk, Suco Pratz, Vila Konceito, Voluttá Acessórios e Zellos Boutique.

Também fizeram a doação de brindes para o sorteio a empresária Margareth Buzetti, o deputado Max Russi, o secretário da Casa Civil e a esposa, Mauro e Mônica Carvalho e o próprio governador Mauro Mendes.

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Mato Grosso

Sede de unidades que protegem cabeceiras do rio Cuiabá passa por reforma

Publicado

O Governo de Mato Grosso, Ministério Público do Estado e as associações dos Beneficiários da Rodovia Produção e Beneficiários da MT-140 firmaram Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para reforma da sede do Parque Estadual Águas do Cuiabá e Área de Proteção Ambiental (APA) das Cabeceiras do Rio Cuiabá. A revitalização terá início na próxima segunda (16.12) e a previsão é que a obra seja concluída nos próximos 45 dias.

O gerente das unidades de conservação, Ademir Figueiredo, explica que a revitalização da sede é importante para dar apoio aos profissionais que atuam diretamente no trabalho de conservação das áreas. “É importante ter este apoio para pesquisadores e, principalmente, para fiscalização e para o Corpo de Bombeiros Militar durante a temporada de incêndios florestais”, reforça lembrando que este ano um incêndio de grandes proporções atingiu a área que abriga a cachoeira da Serra Azul que está localizada na APA.

Pelo acordo firmado, para compensar os danos ambientais causadas às nascentes e interrupção do curso natural do rio Cuiabá da Larga, as duas associações deverão realizar a correção da estrutura de alvenaria, tais como telhado, paredes e piso; reparos na fiação elétrica e hidráulica.

Veja Também:  PM prende suspeito de roubar loja de produtos agrícolas; comparsa morreu após ameaçar policiais

No caso da MT-240, a Associação dos Beneficiários da Rodovia da Produção deverá realizar ações para recuperação das áreas degradadas, reestabelecimento do fluxo da água e sinalização aos usuários da via indicando a existência de uma área de Preservação Permanente conforme pontos indicados pelo Relatório de Vistoria do Projeto Verde Rio. Já pra a MT-140, as intervenções são para corrigir erosões e regularizar o fluxo d´água.

Guardiões das águas cuiabanas

A APA Cabeceiras do Cuiabá, área de uso sustentável de mais 470 mil hectares, abriga as nascentes do Cuiabá da Larga e Cuiabá do Bonito. Dentro da área, está o Parque Estadual Águas do Cuiabá onde os dois rios se encontram para formar o Cuiabazinho que, por sua vez, se encontra com o rio Manso para formar o curso d´água que banha a capital.

As duas unidades de conservação foram criadas para proteger as cabeceiras do rio Cuiabá, garantindo a qualidade e disponibilidade de água para os municípios e comunidades situadas ao longo do corpo hídrico.  

Veja Também:  Mato Grosso Saúde se transforma em ponto de coleta de alimentos

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Mato Grosso

Natal de Luz no Museu de Arte Sacra une religiosidade com programação cultural

Publicado

O Museu de Arte Sacra e o Santuário Eucarístico Nossa Senhora do Bom Despacho realizam nos dias 17 a 22 de dezembro o Natal de Luz. Com uma programação que une a religiosidade com atividades culturais, o evento contará com shows, feira, exposições, sarau, oficinas e missas.

A abertura será às 19h, na próxima terça-feira (17.12). Todos os dias será possível visitar as exposições permanentes e temporária no Museu de Arte Sacra, além de uma mostra em memória a Clínio Moura, que será aberta no evento. O público também poderá conferir a Feira do Vinil e participar das missas no Santuário Eucarístico Nossa Senhora do Bom Despacho.

As atrações musicais entre os dias 17 e 22 de dezembro ficarão por conta do Coral da UFMT, Coral Regina Coeli (Paróquia Nossa Senhora Mãe dos Homens), Caio Mattoso, UFMT com a Corda Toda, Cris Chaves, Grupo + Cellos, Allan House & Mississipi Jr, Coral Arautos do Evangelho, Coral Vozes de Várzea Grande, Coral MT, Mariana Borealis e Laura Paschoalick.

O evento conta ainda com um sarau e oficinas de História da Arte (com Marly Silva) e de Black Out Poético e Fanzine (com Duda Dal´Belo).

Veja Também:  ‘Operação Natal Feliz’ da PM e Bombeiros ganha adesão em diferentes regiões do Estado

A entrada será um quilo de alimento não perecível, que será destinado para a Pastoral Social Amor em Cristo, composta por colaboradores e voluntários da comunidade do Santuário Eucarístico Nossa Senhora do Bom Despacho.

A pastoral existe desde 2012, e o projeto atende a mais de 500 famílias com apoio material (doação de cestas básicas, material de limpeza e material escolar) e espiritual ao longo do ano.

Programação

Terça-feira (17.12)

19h – Abertura no Museu de Arte Sacra e das Programações Natalinas

19h30 – Abertura das Exposições / Abertura da Feira do Vinil

20h – Apresentação Coral da UFMT e Coral Regina Coeli (Paróquia Mãe dos Homens)

21h – Show PisaNuRanho (Caio Mattoso)

Quarta-feira (18.12)

7h – Missa

9h – Abertura das exposições

16h – Abertura da feira do Vinil / Missa

20h – Apresentação UFMT Com a Corda Toda

21h – Show com Cris Chaves

Quinta-feira (19.12)

7h – Missa

9h – Abertura das exposições

16h – Abertura da feira do Vinil / Missa

20h – Apresentação Grupo + CELLOS

21h – Show com Allan House & Mississippi Jr

Sexta-feira (20.12)

7h – Missa

Veja Também:  No dia de combate à corrupção, controlador-geral propõe criação de laboratório de controle

9h – Abertura das exposições

16h – Abertura da Feira do Vinil / Missa

20h – Apresentação do Coro Arautos do Evangelho

20h30 – Sarau das Letras

21h – Show com Caio Mattoso

Sábado (21.12)

7h – Missa

9h – Abertura das exposições

9h – Oficina História da Arte com Marly Silva

16h – Abertura da feira do Vinil

20h – Apresentação do Coral Vozes de Várzea Grande e Coral Mato Grosso

21h – Show com Mariana Borealis

Domingo (22.12)

8h – Missa

9h – Abertura das exposições

11h – Missa

16h – Abertura da Feira do Vinil.

17h – Oficina de Black Out Poético e Fanzine com Duda Dal’ Belo

18h – Missa

21h – Show com Laura Paschoalick

Serviço

O Museu de Arte Sacra de Mato Grosso é um dos equipamentos culturais da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel). Está localizado na Praça do Seminário, na Rua Clóvis Hugney, 239, bairro Dom Aquino. Aberto à visitação de quarta-feira a domingo, das 9h às 17h. Ingresso a R$5. Telefone:  (65) 3056-1373.

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana