conecte-se conosco

Mulher

É possível fugir do inferno astral? Aprenda como lidar com esse período

Publicado

Você já ouviu falar em inferno astral? Apesar de ter começado como uma expressão popular, o termo serve para definir o período “conturbado” que antecede o aniversário. Se você costuma ficar com os nervos à flor da pele ou tem uma maré de azar antes de completar outro ano de vida, talvez seja bom saber como sobreviver à isso.

Leia também: Inferno e paraíso astral: o que é cada período e como encará-los da melhor forma


mulher preocupada
shutterstock

O período do inferno astral pode ser regado de uma maré de azar e preocupações, mas não é possível fugir dele

Segundo a astróloga Paula Bueno Brandão, a astrologia não reconhece oficialmente o termo inferno astral  , mas é importante ter noção do que significa esse momento.  “As semanas antes do aniversário são consideradas como um período de ‘fechamento de ciclo’ 
que pode ser bom ou ruim, dependendo de como foram feitas as escolhas ao longo do ano que passou.”

Assim, esse momento de “inferno” astrológico pode ser comparado ao mês de dezembro às vésperas da virada, quando se começa a refletir sobre as atitudes e repensar a forma de agir no ano seguinte. “De alguma maneira se faz um balanço nesse período, uma preparação para um ‘fechamento’ do que se viveu durante o ano que passou”, complementa. 

Veja Também:  Mãe descobre que o próprio marido causou uma lesão cerebral no filho

Leia também: Como ler mapa astral? Entenda o que os astros dizem sobre a sua personalidade

É possível fugir do período de inferno astral?


mulher fazendo planos
shutterstock

A melhor forma de ‘fugir’ do interno astral é fazer uma autocrítica e focar nas suas conquistas em vez de se frustrar

A realidade é que não dá para impedir um ciclo de terminar ou um novo de começar. “O que pode e deve ser feito é mudar a maneira de lidar com as próprias escolhas, enfrentar e fazer as mudanças que precisam ser feitas para ter mais qualidade de vida e ir em busca da realização do que realmente é importante”, aconselha Paula. 

A astróloga diz que é normal se sentir frustrado por não cumprir as metas do ano anterior, mas focar nos resultados alcançados em vez do sentimento de derrota pode ser a solução para tornar o “inferno” não tão infernal assim. Essa explicação é baseada na frase “o inferno são os outros”, do filósofo francês Jean-Paul Sartre.

Veja Também:  É por este motivo que você tem dor de cabeça na menstruação

“Isso quer dizer que quando não assumimos as consequências dos nossos próprios atos e das nossas escolhas, nomeamos ‘o outro’ como o causador do inferno em que nos encontramos. Por outro lado, se as escolhas forem coerentes e se houve esforço e trabalho para se atingir os objetivos escolhidos, o fechamento de ciclo será motivo de celebração”, completa ela. 

Por isso, a principal solução da astrologia para sobreviver à esse período conturbado é fazer uma autocrítica. “É essa observação que indica claramente o por que e o que está causando o desconforto, ou seja, o que está ‘infernizando’ a vida da pessoa.”

A dica é anotar as impressões e ideias que surgirem nesse mês pré-aniversário, já que isso pode ajudar a indicar novos caminhos para solucionar problemas e questões que foram negligenciadas ou esquecidas no ano anterior. 

Entretanto, não deixe que o inferno astral abale sua vontade de se renovar. “O aniversário é o início de um  ano novo e, também, uma oportunidade de começar um ciclo renovado, escolher caminhos diferentes e desenvolver talentos”, finaliza. 

Fonte: IG Delas
publicidade

Mulher

Instagram para emagrecer? Jovem consegue eliminar 63 kg com ajuda da rede social

Publicado

A australiana Josephine Desgrand, de 19 anos, teve de combater o vício em doces para conseguir emagrecer e, determinada a perder peso, a jovem revela que o Instagram teve papel fundamental no processo para eliminar 63 kg.

Leia também: Jovem conta como WhatsApp a ajudou a emagrecer 30 kg: “Encontrei amor, carinho”


Josephine Desgrand emagrecer
Reprodução/Instagram/@nolongerfatjosie

A jovem Josephine Desgrand foi de 120 kg para 57 kg com ajuda de usuários do Instagram e quer motivar outras pessoas


Josephine pesava 120 kg e era viciada em chocolate. Ela conta ao Daily Mail que sempre foi “gordinha” e, como as pessoas da família, amava comer. “Sempre havia batatas fritas e chocolate nos armários”, diz. A jornada para emagrecer não foi fácil, e a adolescente esbarrou nas barreiras da dependência de açúcar.

Graças à compulsão por doces, ela ganhou muito peso e se tornou obesa. Embora tentasse mudar os hábitos de vida, a moça sempre caia nas tentações. “Um dia eu olhei no espelho e eu tinha triplicado de tamanho. Tentei perder peso , mas meu gosto por doce sempre levava a melhor”, relata.

Veja Também:  Mulher afirma se livrar de cólica passando sangue menstrual no rosto

Leia também: Nutricionistas detalham o que comer no café da manhã para emagrecer

Como o Instagram ajudou a emagrecer


Josephine Desgrand
Reprodução/Instagram/@nolongerfatjosie

Josephine compartilha com seus seguidores seu ‘antes e depois’ para motivá-los e mostrar que é possível perder peso


Para buscar inspiração e tentar alterar seu estilo de vida, Josephine conta ao jornal que passou a analisar o Instagram e o YouTube de diversas pessoas ao redor do mundo, famosas ou não.

“Eu não estava confortável em usar roupas de verão e de repente percebi que precisava mudar. Comecei a seguir as jornadas de perda de peso no Instagram e no YouTube”, conta a garota.

A jovem salienta que isso ajudou a mudar sua mentalidade e encarar a perda de peso como uma mudança fundamental para conquistar o bem-estar, não apenas como uma dieta.

“Pessoas normais, como eu, postavam fotos de sua transformação. Isso me fez perceber que também poderia fazer isso”, declara.

A australiana pontua que quando pensava em desistir da jornada de emagrecimento não hesitava em recorrer ao Instagram para se motivar novamente. Agora, com 57 kg, ela mantém uma vida repleta de exercícios físicos e alimentação adequada. 

Veja Também:  Mãe descobre que o próprio marido causou uma lesão cerebral no filho

De motivada à motivação


emagrecer
Reprodução/Instagram/@nolongerfatjosie

Depois de se inspirar nas pessoas da rede social, é a vez de Josephine servir de inspiração para quem quer emagrecer


Josephine segue mostrando sua rotina e sua mudança em um perfil no Instagram, o @nolongerfatjosie (algo como “ex-gorda Josie”, em uma tradução livre para o português) e serve de inspiração para os mais de 134 mil seguidores que tem na rede social.

Confiante, ela diz que deseja ajudar outras pessoas a alcançarem os mesmos feitos e melhorarem o estilo de vida . “Eu costumava ser tão tímida, mas agora estou fazendo o meu melhor para ajudar os outros a fazerem o mesmo”, comenta.

“Eu recebo mensagens diariamente pedindo dicas e é uma sensação incrível saber que estou ajudando outras pessoas a alcançar o corpo de seus sonhos”, acrescenta ela.

Leia também: Você conhece os benefícios de cada tipo de feijão? Tem opção até para emagrecer

Antes de eliminar mais de 60 kg, a jovem usava roupas que cobriam todo o corpo. Isso, porém, mudou: “Agora estou confortável comigo mesma, adoro usar vestidos curtos ou tops com leggings”.

Ela também revela que muitos colegas de classe antigos não a reconheceram após emagrecer . “Eu nunca vou esquecer do dia em que fui ao baile [escolar] e as pessoas que haviam me ignorado por anos ficavam me parabenizando”, finaliza a jovem.

Fonte: IG Delas
Continue lendo

Mulher

Pais conseguem autorização para mudança de nome e gênero em documento de criança

Publicado

Desde os cinco anos de idade, uma criança, que nasceu com características biológicas masculinas, já se identificava com o gênero feminino. Ao perceber o comportamento, os pais adotivos resolveram entrar na justiça para tentar alterar seu nome e gênero nos documentos oficiais.

Leia também: Meu filho me ofereceu maconha, o que fazer?


Criança lendo um livro
shutterstock

Desde os 5 anos a criança já se identificava com o gênero feminino, escreve a juíza em sua decisão

A decisão foi acatada pela Justiça do Rio de Janeiro, permitindo que a menina, hoje com 8 anos, tivesse as devidas alterações em seu registro de nascimento. A decisão sobre a mudança de gênero e nome é da juíza Camila Rocha Guerin, da Vara Única de Paraty, Sul do Estado.

Segundo as informações do processo, a menina realiza acompanhamento psicoterápico e psiquiátrico em ambulatório especializado credenciado pelo Ministério da Saúde. A partir disso, foi possível constatar que a mudança foi significativa para o desenvolvimento da criança

“Em audiência especial, restou claro que a criança se identifica como menina desde tenra idade e que, a partir do momento em que lhe foi permitida tal exteriorização, desenvolveu-se de forma mais saudável, tornando-se, inclusive, mais comunicativa”, escreveu a magistrada em sua decisão.

Veja Também:  É por este motivo que você tem dor de cabeça na menstruação

Ela ainda completou, afirmando que é evidente que “o nome masculino não condiz com a identidade de gênero da criança, que é feminina, situação que acarreta confusões, constrangimentos e humilhações desnecessárias”.

Leia também: Mãe “odeia” nome do filho e planeja mudá-lo sem que família saiba

Ao conceder a  mudança de gênero e nome no registro civil, a juíza justifica afirmando que, dessa maneira, é possível “assegurar a dignidade, o respeito, a liberdade, a expressão, a participação e a identidade de que é merecedora”.

Fonte: IG Delas
Continue lendo

Mulher

Mulher conserta unha quebrada com miojo e viraliza ao fazer tutorial nas redes

Publicado

Cortar todas as unhas curtas por causa de uma que quebrou, jogando fora todo seu esforço para mantê-las longas, dá uma dor no coração e, ao mesmo tempo, também te faz pensar em soluções criativas. É esse o caso de uma jovem brasileira que usou  macarrão instantâneo (mais conhecido como miojo) moído para “consertar” a unha quebrada. 


unha quebrada com miojo
Reprodução/Twitter/nopromisesddl

A internauta compartilhou no Twitter um tutorial de como consertar unha quebrada usando macarrão instantâneo

A ideia viralizou nas redes depois que a internauta @nopromisesddl compartilhou fotos da unha quebrada e mostrou como havia pensado em algo um tanto inusitado para arrumá-la. “mano e eu que consertei minha UNHA com miojo” (sic), escreveu no Twitter. 


Leia também: De alergia a câncer: o que pode dar errado no alongamento de unhas?

Tutorial para consertar a unha quebrada em 6 passos

O post viral recebeu mais de 2,7 mil comentários, 17 mil retweets e 78 mil curtidas. A maior parte das pessoas começou a perguntar como ela havia feito a unha de miojo e, por isso, ela decidiu postar também um tutorial ensinando como fazer: 

  1. Moa o miojo até ficar igual à farelo de paçoca; 
  2. Corte um pedaço de papel alumínio e posicione a unha no papel;
  3. Aplique alguma super cola, como Super Bonder, por cima da unha;
  4. Coloque o farelo de miojo por cima da cola;
  5. Espera secar e, depois, aplique cola novamente;
  6. Lixe a mistura no formato da unha. 
Veja Também:  Saiba por que a prisão de ventre é mais comum nas mulheres e aprenda a evitá-la



“Não é complicado”, afirmou ainda a internauta na rede social depois do fim do passo a passo. Entretanto, vale um alerta. É preciso tomar cuidado com o uso da super cola nas unhas, já que o produto pod deixá-las fracas e ainda mais fáceis de quebrar. 

Apesar disso, a história também virou uma brincadeira nas redes porque, segundo os usuários do Twitter, ela não só conseguiu consertar a unha quebrada , mas encontrar a  forma caseira de fazer unhas de gel. Será que essa alternativa vira uma tendência nas manicures? 

Fonte: IG Delas
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana