conecte-se conosco


Rondonópolis

irmãos se destacam em PET SHOP de Rondonópolis

Publicado

Thomas e Jean Fregonezi são proprietários da MON PETIT, onde distribuem todo amor que possuem por animais. Foto – Maxx Santos

Os irmãos Thomas e Jean Fregonezi, de Rondonópolis, conseguiram ter na vida aquilo que a maior parte das pessoas sonha, mas poucos conseguem atingir: trabalhar com aquilo que realmente fala mais alto ao coração. Thomas é engenheiro agrônomo de formação, Jean é veterinário e desde janeiro de 2019 eles assumiram o comando da MON PETIT GROOMER PET SALON e BOUTIQUE, localizada na Rua Dom Pedro II – Vila Aurora.

A reportagem do NMT visitou o empreendimento, que tem se destacado entre os donos de animais de estimação na cidade, que são o foco dos atendimentos. Thomas explicou que, por influência familiar, ele e o irmão sempre quiseram empreender, mas tinham dúvida sobre o que apresentar ao mercado. Foi então que a decisão de ter um Pet Shop, reunindo a paixão dos dois por animais, além da aptidão profissional, veio a calhar. A MON PETIT, por sua vez, foi uma grande oportunidade trazida pelo destino.

“Sempre fomos muito influenciados pelo nosso pai. Ele foi um grande empreendedor e nos incentivou a correr atrás dos nossos objetivos. A gente decidiu apostar na paixão, no coração e aí junto a meu irmão, que já residia em Rondonópolis, naquele momento que estávamos estudando como seria estruturado esse novo negócio, vimos aparecer a chance de assumir um PET já em andamento. Notamos o potencial desta empresa, abraçamos a causa e desde o início do ano tem sido cada mais melhor”, definiu Thomas.

Jean é veterinário e Thomas engenheiro agrônomo. Em comum, o amor pelos animais.

Com a alegria nos olhos de alguém que conseguiu realizar um sonho de criança de poder passar o dia em meio a animais, Thomas não tem dúvida que o diferencial da empresa é o significado que os seus “clientes de quatro patas” representam para os irmãos e os funcionários. “Nós temos amor por estes animais como se fossem nossos filhos. O comprometimento que temos com eles é exatamente comparável a isso e creio que as pessoas que possuem, como nós, este tipo de relação afetiva com seus bichinhos conseguem perceber isso na gente. A nossa empresa tem como pré-requisito, até dentro do seu quadro de colaboradores, a indispensabilidade deste sentimento. A minha grande satisfação é ver o dono ir pra casa totalmente confiante que trataremos seu animal com os mesmos cuidados que eles recebem em casa”, exemplificou.

Veja Também:  prefeito entrega títulos, tem crise de fúria ataca líder comunitário e deputados de Rondonópolis

Thomas pontuou a importância do ativismo em proteção animal, onde milhões de pessoas se reúnem para combater maus tratos, e afirmou que é muito satisfatório olhar em volta e ver tanta gente reconhecendo a valiosidade destes seres, conforme ele e o irmão sempre visualizaram. “Hoje um cachorro é muito mais do que um animal doméstico, é um membro real da família. Não se trata de um ser passivo, aliás, os cachorros são muito mais sensitivos que todos nós. É extremamente gratificante, nos enche de orgulho ver um cachorrinho já acostumado a vir na MON PETIT entrar por nossa porta e reagir positivamente. Ele fica feliz ao nos ver, ao encontrar nossa equipe e conseguimos perceber no rosto do dono a satisfação por isso. É óbvio que estas informações dos dias que já passaram conosco estão guardadas dentro destes bichinhos”, ilustrou.

A principal porta de entrada dos clientes na MON PETIT é o banho e tosa, a empresa possui serviço de TáxiDog, onde os animais são buscados e entregues em casa, se essa for a vontade do dono. A partir daí, no entanto, dos primeiros cuidados com a pelagem e a higiene dos novos “filhinhos”, Jean comenta que cria-se uma relação que não se limita ao simples embelezamento. “Nós, inevitavelmente, assumimos uma responsabilidade e preocupação sobre este nosso novo amiguinho. Temos a parte clínica, trabalhamos com prevenção e acompanhamento da saúde animal, falamos muito sobre os pequenos cuidados diários e isso, muitas vezes, desde a gestação da mamãe deles. São muitos os fatores que influenciam no bem-estar e acreditamos que ter essa relação próxima, construir este elo com os donos deles nos permitem ver aquele animal livre de doenças e cheio de vitabilidade. Isso é recompensador”, contou o veterinário.

A MON PETIT possui no estoque as melhores vacinas do mercado, realiza controle e arquivamento de informações sobre todos os animais para que a imunização seja procedida criteriosamente nos prazos certos. A loja ainda possui uma vasta linha de rações das melhores marcas comercializadas no Brasil. “Temos a Linha Premium, Super Premium, dentre tantas outras especiais. Todas as sugestões de alimentação que nossa equipe dá para cada animal são embasadas em indicações laboratoriais dos fabricantes dos nossos produtos, que fazemos questão de estudar muito a fundo. É possível nos depararmos com cães, por exemplo, com sobrepeso, problemas muito específicos de saúde, idade e vários outros fatores que modificam totalmente a necessidade. Então, o alimento precisa ser definido de maneira personalizada”, explicou Thomas.

Veja Também:  prefeito entrega títulos, tem crise de fúria ataca líder comunitário e deputados de Rondonópolis
Loja possui uma cartela completa de itens para garantia da saúde de bichinhos e suas mais variadas necessidades. Foto – Maxx Santos

A MON PETIT também possui uma cartela completa de acessórios, petiscos, brinquedos e outros diversos serviços para a garantia da qualidade de vida animal. Ainda sobre a simbologia que o trabalho que realiza possui para si, Thomas conta que sente-se, de fato, um privilegiado. “Eu trabalhava como agrônomo, aí ficava dias fora de casa e o meu coração apertava de saudade. Em casa eu tenho o Tomy e pra mim ele é meu filho mesmo. De longe, eu me preocupava e tinha atitudes que  só quem gosta e cuida sabe como é. No meu trabalho agora a relação é parecida, mas numa escala bem maior. Tanto eu como meu irmão sentimos falta quando alguns dos nossos novos “filhinhos” ficam algum tempo sem vir a nossa loja. Eu tenho acordado todo dia muito feliz, porque eu sei que vou rever os animais, atendê-los profissionalmente, mas também me divertir com eles. É um prazer conviver com isso”, resumiu.

MON PETIT GROOMER PET SALON e BOUTIQUE localiza-se na altura da Vila Aurora da Dom Pedro II, número 351. O telefone de contato dos irmãos é o (66) 996691085. “Temos esse contato que é o da loja, mas aos clientes também passo o meu pessoal. Todos eles sabem que podem entrar em contato, mediante qualquer emergência, que sempre estaremos prontos a ajudar”, finalizou Thomas.

      

publicidade

Mato Grosso

prefeito entrega títulos, tem crise de fúria ataca líder comunitário e deputados de Rondonópolis

Publicado

Cláudio do Povo – Presidente do bairro fazendo uso da fala

No último dia 05, a prefeitura de Rondonópolis através da secretaria municipal de habitação realizou a entrega de títulos para alguns moradores do residencial Padre Lothar, dentro do programa de regularização fundiária com base na lei federal 13.645/2017 da gratuidade de títulos de imóveis com finalidade social, onde imóveis com até 250 m2 ficam isentos de pagar as custas de cartório, acontece que o prefeito municipal tem se valido no programa para fazer politicagem, aproveitando a falta de informação de parte do cidadão, ele rasga o verbo dizendo para aos presentes que o títulos custam em média R$ 8.000,00 (oito mil reais) e que ele está oferecendo de forma gratuita. Até aí tudo bem, pois a maioria já percebeu que gaguejar e mentir são coisas que o mesmo faz com muita facilidade. O residencial Padre Lothar é um bairro que nasceu a partir de um assentamento onde a prefeitura cortou os lotes e assentou as famílias que fizeram barracos de lona e tiveram que esperar por mais de um ano até a construção das casinhas simples que foram construídas através de fundos perdido do governo federal. Acontece que, depois de muito se arrastar, a prefeitura resolveu titular os moradores, durante a cerimônia ao fazer uso da fala, o presidente do bairro Cláudio Santos, conhecido como (Claudinho do Povo), ao parabenizar os moradores e agradecer a gestão pela entrega dos títulos, aproveitou o momento para pedir ao prefeito municipal que pudesse voltar os olhares a partir de então para aquele bairro pois o mesmo estava abandonado pelo poder público, a fala do líder comunitário se deu devido algumas dificuldades que o mesmo tem enfrentado no tocante as secretarias municipais atenderem as muitas reivindicações de melhorias para a comunidade, uma das queixas do líder é que algumas conquistas importantes para o bairro o gestor desviou e não os atendeu, podendo citar, o campo de futebol gramado que  o prefeito deixou voltar o recurso na ordem de R$ 94.700,00 (noventa e quatro mil e setecentos reais) que estava na conta do município desde dezembro de 2016, e ainda uma academia popular que o líder conseguiu através de indicação de um deputado e o prefeito mandou para outro bairro. Apesar da cobrança e do descontentamento, o líder foi muito respeitoso em sua fala, que ao final fora muito aplaudido pela comunidade, motivo pelo qual provocou uma grande ira no prefeito que resolveu na sequencia fazer uso da fala para tentar reverter a situação a seu favor e para tanto partiu para o ataque ao líder e aos deputados eleitos por Rondonópolis, dando uma de vítima, como é de praxe em seus discursos populista, bradou que estava sozinho e que nenhum deputado estariam o ajudando. Na sequencia dos ataques, acusou o líder de ter apoiado certo deputado para ganhar um extra e que o mesmo não estaria ajudando a cidade, ele se esqueceu de mencionar em seu discurso raivoso que três dos quatro vereadores do seu partido o SD, apoiaram o mesmo deputado, esqueceu também de falar para os presentes que o mesmo deputado foi um dos principais doadores de sua campanha em 2016. O fato é que ele sabia que ali era um evento promovido pela gestão e não um debate onde a outra parte tivesse direito a réplica e, portanto ele poderia atacar e mentir como melhor lhe conviesse.

Veja Também:  prefeito entrega títulos, tem crise de fúria ataca líder comunitário e deputados de Rondonópolis

Ao final, vários moradores sentindo a injustiça que fora cometida ao seu líder, o procuraram para se solidarizar ao mesmo ao que parece, responderão sabiamente em outubro próximo.

Vamos aguardar pra ver…

Veja o vídeo.

Prefeito em sinal de desespero ataca liderança comunitária e acusa deputados de NÃO trabalhar pela cidade.A agressividade e discurso raivoso mostra o destempero, e preocupação desse gestor demagogo e mentiroso quando encontra um líder que sabe exercer sua liderança. Sua prática de se promover com base na desinformação das pessoas não está mais colando e tenta ofender a honra e a dignidade das pessoas.

Posted by Claudinho Santos on Saturday, December 7, 2019

Continue lendo

Policial

Suspeito de manter adolescente presa por 3 meses próximo a Rondonópolis é solto pela polícia

Publicado

Suspeito de manter adolescente presa por 3 meses próximo a Rondonópolis é solto pela polícia

Suspeito de sequestrar e manter uma adolescente de 16 anos em cárcere, no Distrito Fátima do São Lourenço, próximo a Rondonópolis, foi folto.

De acordo com a Polícia Civil, não ficou comprovado a situação de cárcere e, por isso, o suspeito acabou liberado, mesmo ele tento confessado que sequestrou a jovem.

O suspeito identificado como José Pereira Lopes, 55 anos, disse ter sequestrado a adolescente no dia 30 de agosto, no entanto, a menina fugiu antes da chegada da PM.

Em nota, a Polícia Civil informou que o delegado, Claudemir Ribeiro, não encontrou evidências que comprovem a prática criminosa.

Disse que a adolescente declarou em depoimento que estava na casa por livre e espontânea vontade.

Portanto, não ficou comprovado à autoridade policial que o suspeito tenha cometido o crime.

José Pereira confessou que fez a garota a ingerir bebidas alcoólicas durante o tempo que esteve em cárcere. Ele ainda contou que sabia que a família da adolescente a procurava.

Ao fazer a vistoria na casa do homem, os policiais encontraram roupas da adolescente, tinta de cabelo, três cartas escritas pela jovem, dinheiro, folhas de cheque e quatro aparelhos celulares, além de uma fita crepe larga e uma espingarda de calibre 22, sem numeração.

Veja Também:  prefeito entrega títulos, tem crise de fúria ataca líder comunitário e deputados de Rondonópolis

Continue lendo

Rondonópolis

Comércio de Rondonópolis vai funcionar no feriado municipal do dia 10 de dezembro

Publicado

Foto: Ronaldo Teixiera / AGORA MT

O Sindicato do Comércio Varejista de Rondonópolis e o Sindicato dos Empregados no Comércio de Rondonópolis celebraram um acordo retificando a Convenção Coletiva em vigor, assim modificando horário especial de Natal do comércio local.

O horário de funcionamento do comércio em geral poderá facultativamente e especialmente, a empresa funcionar com seus empregados, nos dias 11/12 a 13/12 das 8h às 21 horas; no dia 14/12 (sábado) das 8h às 20 horas; no dia 15/12 (domingo) das 9h às 14 horas nos dias 16/12 a 20/12 das 8h às 22 horas; no dia 21/12 (sábado) das 8h às 20 horas; no dia 22/12 (domingo) das 8h às 18 horas, 23/12 das 8h às 22 horas e dia 24/12 das 8h às 18 horas. A assinatura do acordo aconteceu ontem (02/12).

O horário de funcionamento no dia 10 de dezembro, aniversário de Rondonópolis (feriado municipal) será normal conforme convenção coletiva de 2019.

Veja Também:  prefeito entrega títulos, tem crise de fúria ataca líder comunitário e deputados de Rondonópolis
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana