conecte-se conosco


Agro News

MILHO/CEPEA: Em novembro, cotações sobem mais de 14% em algumas praças

Publicado

Cepea, 2/12/2019 – A procura aquecida e a retração vendedora têm mantido os preços do milho em forte alta em todas as regiões levantadas pelo Cepea. No acumulado de novembro, os avanços nos valores superaram os 14% em algumas regiões. De acordo com colaboradores do Cepea, os preços no interior do País seguem acima dos verificados na região dos portos, o que tem feito com que os poucos vendedores ativos e detentores de lotes da segunda safra direcionem o milho ao mercado interno. Na região de Campinas (SP), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa fechou a R$ 47,88/sc de 60 kg na sexta-feira, 29, altas de 3,1% na semana e de 14,1% no acumulado de novembro. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA
Veja Também:  CITROS/CEPEA: Início de mês eleva demanda e preços da laranja pera sobem
publicidade

Agro News

ALFACE/CEPEA: Preços fecham novembro em alta

Publicado

Cepea, 06/12/2019 – Em novembro, as cotações das alfaces começaram a reagir e fecharam o mês com resultados positivos. Segundo dados do Hortifrúti/Cepea, o preço médio da crespa foi de R$ 11,68/cx com 20 unidades na região de Mogi das Cruzes (SP), elevação de 21% frente ao mês anterior. O aumento já era esperado, devido à proximidade do verão, quando usualmente a procura se eleva e a produção, diminui. Além disso, houve relatos de tipburn (queima de borda), devido às variações climáticas – fator que comprometeu a qualidade das folhosas, afetou a oferta e, consequentemente, influenciou na alta dos preços. Fora de São Paulo, os aumentos tiveram como principal motivo os altos índices pluviométricos. A chuva em Mário Campos (MG) começou somente na última semana de novembro, mas foi suficiente para impulsionar os valores no mês: a crespa teve preço médio de R$ 11,73/cx de 20 unidades, aumento de 22% na comparação com outubro. Fonte: Cepea/Hortifruti – www.hfbrasil.org.br

Fonte: CEPEA
Veja Também:  ETANOL/CEPEA: Volume negociado cresce 15% na parcial da temporada
Continue lendo

Agro News

FRANGO/CEPEA: Exportação para a China bate recorde

Publicado

Cepea, 06/12/2019 – Apesar do recuo nas exportações totais de carne de frango brasileira entre outubro e novembro, os envios para a China, especificamente, atingiram recorde no mês passado. Segundo dados da Secex, o país asiático elevou as aquisições em 14,5% de outubro para novembro, com total de 59,2 mil toneladas no último mês, o maior volume de toda a série histórica da Secex, iniciada em 1997. Quanto aos embarques totais, a quantidade foi de 332,1 mil toneladas, recuo de 5,9% frente ao volume de outubro. Em relação ao mercado da semana, os preços da carne de frango estiveram em alta nos últimos dias, devido ao período de início de mês e à elevação da competitividade da carne de frango frente às principais concorrentes (bovina e suína). Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA
Veja Também:  CITROS/CEPEA: Início de mês eleva demanda e preços da laranja pera sobem
Continue lendo

Agro News

CITROS/CEPEA: Início de mês eleva demanda e preços da laranja pera sobem

Publicado

Cepea, 06/12/2019 – O período de início de mês permitiu certa retomada das vendas no mercado de mesa paulista, com boa demanda pela laranja pera com melhor qualidade e pelas tardias – que têm maior oferta de frutas com o padrão demandado pelo segmento em relação às de meia-estação. Assim, segundo dados do Cepea, na parcial desta semana (de segunda a quinta-feira), a laranja pera registra média de R$ 28,08/caixa de 40,8 kg, na árvore, avanço de 2,5% em relação à semana passada. Para a valência, a média parcial é de R$ 24,48/caixa de 40,8 kg, na árvore, leve recuo de 1,6% frente ao período anterior. Para a natal, o valor é de R$ 24,60/cx de 40,8 kg, na árvore, baixa de 2,2% no mesmo comparativo. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA
Veja Também:  CITROS/CEPEA: Início de mês eleva demanda e preços da laranja pera sobem
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana