conecte-se conosco


Tecnologia

Pesquisa revela maior desejo dos brasileiros para a Black Friday; confira

Publicado

source
Black Friday arrow-options
shutterstock

Boa parte dos consumidores quer trocar de celular durante a Black Friday

A expectativa para a Black Friday está alta entre os brasileiros. Uma pesquisa realizada pela Stilingue apontou que o consumidor pretende aproveitar as promoções da data, e já têm preferências por marcas e produtos. O estudo monitorou as redes sociais Facebook , YouTube , Twitter e Instagram , além de blogs, sites de notícias e comentários, entre os dias 21 e 30 de outubro, reunindo mais de 15 mil publicações que foram analisadas para entender o desejo dos consumidores para a data. 

Dentre os principais desejos dos internautas, quem lidera o ranking é a troca de celular . Depois dela, estão as viagens e os demais itens de informática. Para escolher um celular novo, os internautas estão priorizando o bom preço . Dentre os queridinhos para as compras, os celulares da Xiaomi e os iPhones são os mais comentados. 

Leia também: Smartphone da Xiaomi lidera lista dos 10 celulares mais buscados por brasileiros

Consumidores atentos

Outro aspecto trazido pela pesquisa foi o quanto os consumidores estão atentos à segurança para a Black Friday . Termos como “dinheiro”, “promoção” e “desconto” estão entre os mais buscados, o que, segundo o estudo, garante que que os consumidores estão de olho nas ofertas desde já. 

Veja Também: 

Outro termo bastante encontrado nas postagens foi “ Black Fraude ”, que também está relacionado a uma maior atenção dos consumidores às promoções falsas que surgem no período – sobretudo quando os preços sobem antes da data para trazer uma falsa queda. 

Leia também: Preços sobem antes da Black Friday; confira quais produtos são mais atingidos

Varejistas queridinhas

O estudo também apontou para as lojas mais citadas nas publicações relacionadas à Black Friday . No topo da lista estão Casas Bahia , Amazon e Magazine Luiza . Nas conversas sobre as varejistas, os principais assuntos giram em torno da conectividade trazida pela empresa e no interesse de saber se a loja já está com promoções para a Black Friday .

Fonte: IG Tecnologia
publicidade

Tecnologia

Publicado

source

Olhar Digital

iphone arrow-options
Divulgação/Apple

Quando será que os iPhones serão dobráveis?


Em um clima nostálgico e futurista, fabricantes de celulares como Huawei , Xiaomi , Samsung e Motorola já apostaram no retorno do celular dobrável. Porém, entre essas grandes empresas está faltando uma gigante: a Apple .

Segundo analistas, a empresa poderia estar refinando a tecnologia dos aparelhos dobráveis  para um possível lançamento apenas em 2021. Até lá, a Samsung já deve estar na terceira versão do  Galaxy Fold e também, terá se passado tempo o suficiente para analisar se os dobráveis realmente vieram apra ficar ou ser era apenas mais uma moda passageira. Apesar de ser difícil imaginar como será o cenário de smartphones daqui a dois anos, uma coisa a gente conhece; o “roteiro” de inovações da Apple , que adota as tecnologias sempre depois que seus rivais no Android .

Leia também: iPhones devem deixar de existir; veja qual gadget é a próxima aposta da Apple

Os benefícios desse tempo de refinamento é que a empresa tem tempo para fazer com que a tecnologia funcione adequadamente, aprendendo com os obstáculos de outras empresas e esperando o mercado “acalmar” com a novidade. No caso de telefones dobráveis , se adotados pela Apple , podemos esperar um aprimoramento em preço, durabilidade, reparabilidade e necessidade.

Veja Também: 

Atualmente, só existem três celulares dobráveis no mercado: o Galaxy Fold da Samsung, o Huawei Mate X  e o Morotola Razr , sendo que os dispositivos da Samsung e da Huawei custam por volta de US$ 2000 (R$ 8360, aproximadamente) e o da Motorola US$ 1500 (R$ 6270, aproximadamente). Todos são bem caros e quando a Apple chegar ao mercado é possível que o preço já esteja baixo.

Porém, nesse meio tempo é necessário que a Apple encontre seu nicho – e não precisa ser diferente daquilo do que já está em oferta. Ainda há muito o que se explorar em termos de design e forma, mas, por mais que um iPhone ou iPad seja lançado com a tecnologia dobrável, ele precisará de um motivo claro para existir além de ser o novo gadget do momento.


Fonte: IG Tecnologia
Continue lendo

Tecnologia

Publicado

Olhar Digital

iphone arrow-options
Divulgação/Apple

Quando será que os iPhones serão dobráveis?


Em um clima nostálgico e futurista, fabricantes de celulares como Huawei , Xiaomi , Samsung e Motorola já apostaram no retorno do celular dobrável. Porém, entre essas grandes empresas está faltando uma gigante: a Apple .

Segundo analistas, a empresa poderia estar refinando a tecnologia dos aparelhos dobráveis  para um possível lançamento apenas em 2021. Até lá, a Samsung já deve estar na terceira versão do  Galaxy Fold e também, terá se passado tempo o suficiente para analisar se os dobráveis realmente vieram apra ficar ou ser era apenas mais uma moda passageira. Apesar de ser difícil imaginar como será o cenário de smartphones daqui a dois anos, uma coisa a gente conhece; o “roteiro” de inovações da Apple , que adota as tecnologias sempre depois que seus rivais no Android .

Leia também: iPhones devem deixar de existir; veja qual gadget é a próxima aposta da Apple

Os benefícios desse tempo de refinamento é que a empresa tem tempo para fazer com que a tecnologia funcione adequadamente, aprendendo com os obstáculos de outras empresas e esperando o mercado “acalmar” com a novidade. No caso de telefones dobráveis , se adotados pela Apple , podemos esperar um aprimoramento em preço, durabilidade, reparabilidade e necessidade.

Veja Também: 

Atualmente, só existem três celulares dobráveis no mercado: o Galaxy Fold da Samsung, o Huawei Mate X  e o Morotola Razr , sendo que os dispositivos da Samsung e da Huawei custam por volta de US$ 2000 (R$ 8360, aproximadamente) e o da Motorola US$ 1500 (R$ 6270, aproximadamente). Todos são bem caros e quando a Apple chegar ao mercado é possível que o preço já esteja baixo.

Porém, nesse meio tempo é necessário que a Apple encontre seu nicho – e não precisa ser diferente daquilo do que já está em oferta. Ainda há muito o que se explorar em termos de design e forma, mas, por mais que um iPhone ou iPad seja lançado com a tecnologia dobrável, ele precisará de um motivo claro para existir além de ser o novo gadget do momento.


Continue lendo

Tecnologia

Publicado

source

Olhar Digital

google stadia arrow-options
Reprodução

Google Stadia será lançado amanhã


Depois de anunciar pela primeira vez que seu serviço de streaming de jogos seria lançado com apenas 12 títulos, o Google Stadia quase dobrou o número e, agora, prepara seu catálogo com, oficialmente, 22 jogos. A novidade ocorre nos últimos dias antes do lançamento (que acontece amanhã) e foi anunciada no Twitter pelo chefe do Stadia, Phill Harrison. Entre os dez novos títulos estão Football Manager 2020 e o NBA 2k20 , expandindo o catálogo na área esportiva.


Vale lembrar que a Microsoft está aumentando seu streaming de jogos, o xCloud , com mais de 50 títulos, o que deixaria a concorrente para trás. Em um tuíte, Harrison explicou que “talvez fôssemos um pouco conservadores em nossa previsão na semana passada e (o mais importante) nossos parceiros fizeram um excelente trabalho, conseguindo resolver as últimas torções e passar por testes.”

Veja Também: 

Leia também: xCloud é liberada pela Microsoft; conheça a plataforma de games em nuvem

Veja quais são os novos títulos que chegam amanhã no lançamento do serviço:

  1. Ataque a Titã: Batalha Final 2
  2. Farming Simulator 2019
  3. Final Fantasy XV
  4. Football Manager 2020
  5. Grade 2019
  6. Metro Exodus
  7. NBA 2K20
  8. Raiva 2
  9. Trials Rising
  10. Wolfenstein: Youngblood

 Eles vão se juntar aos títulos anteriormente anunciados pelo Google:

  1. Assassin’s Creed Odyssey
  2. Destiny 2: The Collection (gratuito com assinatura do Stadia Pro)
  3. Gylt
  4. Just Dance 2020
  5. Kine
  6. Mortal Kombat 11
  7. Ascensão do incursor do túmulo
  8. Red Dead Redemption 2
  9. Samurai Shodown (gratuito com assinatura Stadia Pro)
  10. Sombra do incursor do túmulo
  11. Thumper
  12. Tomb Raider 2013 

O Google Stadia chega amanhã (19) custando US$ 9,99 (cerca de R$ 36) em 14 países: Bélgica, Finlândia, Canadá, Dinamarca, França, Alemanha, Irlanda, Itália, Países Baixos, Noruega, Espanha, Suíça, Reino Unido e Estados Unidos. Por enquanto, o serviço não será lançado no Brasil.

Fonte: IG Tecnologia
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana