conecte-se conosco


Entretenimento

“UM DESLIZE NÃO PODE ACABAR COM A MINHA VIDA’, DIZ MC GUI Funkeiro publicou vídeo em que ri de uma criança na Disney

Publicado

Funkeiro publicou vídeo em que ri de uma criança na Disney

A carreira de MC Gui ainda está paralisada. No Instagram, o cantor já não publicava desde o fim do mês passado. No dia 21 de outubro, o cantor publicou um vídeo no Instagram em que ria de uma garotinha. Ele foi acusado de humilhar a criança enquanto dava risada e focava a câmera no rosto da menina, que ficou visivelmente constrangida.

Alguns internautas chegaram a dizer que o artista cometeu bullying. “A internet tá muito chata. Não posso postar nada. Estou na Disney, estou de férias, não preciso ficar me explicando por algo que eu não fiz, mas, infelizmente, essa é a internet que a gente tá usando hoje e é assim que funciona”, reclamou na ocasião.

“Eu fui um imbecil naquele momento”, declarou o funkeiro durante entrevista ao colunista Leo Dias nesta segunda-feira, 11. Depois de ter a agenda de shows comprometida por causa da polêmica, MC Gui repensou sobre a conduta que teve. “Não quero que um deslize que tive na vida acabe com toda minha vida, com todo o respeito que eu tenho”, afirmou.

Veja Também:  Exames indicam melhora de Bruno Covas e câncer em estágio de cicatrização

Durante a entrevista, em momento algum o cantor disse que pensou que a garotinha estava fantasiada ou que parecia um personagem da Disney, como alegou anteriormente. E elencou os erros que cometeu: “O primeiro foi quando eu comecei a gravar essas pessoas que eu não conhecia. E o segundo foi o momento que eu dei risada no vídeo. Eu e meus amigos acabamos dando risada de algo que não devíamos ter dado”.

MC Gui diz que buscou a terapia após o episódio e que está em busca de mudança. Em uma postagem no Instagram, o funkeiro desabafou: “Não foi nada fácil olhar pra trás e relembrar o maior erro da minha vida. Mas era preciso. Fui julgado por um país inteiro e aprendi a lição. Estou buscando ajuda para mudar e quis deixar isso claro na conversa. Eu aprendi a me colocar no lugar do outro e passei a ver a vida de outra forma”, escreveu.

F

publicidade

Entretenimento

Empresária da treta com Jojo Todynho faz festão em Minas

Publicado

source

Kamila Simioni – aquela empresária da treta com Jojo Todynho – comemora seu aniversário domingo, com uma festança de 12 horas de duração para 300 convidados, em Minas Gerais.

Leia também: Sertanejo Sorocaba vai se casar às pressas; saiba o motivo

Kamila Simioni arrow-options
Reprodução

Kamila Simioni


Leia também: Naldo Benny protagoniza climão com irmão de Cristiano Araújo

O tema é ‘Simifolia’. “Escolhi o tema micareta por gostar do pagodão baiano”, disse ela. A comemoração dos 34 anos de Kamila custou mais de R$ 100 mil.

Fonte: IG Gente
Veja Também:  Pela primeira vez, Prefeitura do Rio concede licença-paternidade a homem trans
Continue lendo

Entretenimento

Morre Chico Teixeira, diretor de “Casa de Alice” e de “Ausência”

Publicado

source

Morreu nesta quinta-feira (12), em São Paulo, aos 61 anos, após lutar contra um câncer no pulmão, o cineasta carioca Chico Teixeira. Diretor dos elogiados longa-metragens ” A casa de Alice ” (2007) e ” Ausência ” (2014), ele deixa mais um longa, ” Dolores “, filmado durante o seu tratamento e que deve ser terminado no no que vem.

Leia também: Integrante do Roxette morre, aos 61 anos, de câncer

Chico Teixeira arrow-options
Reprodução/Instagram/@primeboxbraziloficial

Chico Teixeira dirigiu filmes como “A Cada de Alice” e “Ausência”


Economista pós-graduado, Chico Teixeira atuou na área por alguns anos até ir trabalhar no programa de entrevistas “Conexão Nacional”, da Rede Manchete de Televisão. Seu primeiro documentário, “Favelas” (1989), foi premiado no Brasil e em Portugal, no Festival Internacional do Algarve.

Leia também: Ator de “Éramos Seis” morre de infarto fulminante

Em 91, ele fez “Velhice”, que foi exibido em festivais nos Estados Unidos, Japão e Alemanha. Seu terceiro documentário, o curta “Criaturas que nasciam em segredo” (1995, sobre o cotidiano de cinco anões), ganhou 21 prêmios no Brasil, incluindo o prêmio de melhor curta-metragem e melhor diretor no Festival de Gramado, e três prêmios internacionais: na Espanha Festival de Huesca, no Chile e em Portugal.

Veja Também:  Exames indicam melhora de Bruno Covas e câncer em estágio de cicatrização

Estrelado pela atriz Carla Ribas , “A casa de Alice”, primeiro londa de ficção de Chico Teixeira mostra a vida de uma manicure com sua família na periferia de São Paulo. Exibido na sessão não-competitiva Panorama do Festival de Berlim, ele foi elogiado em uma crítica do jornal alemão “Tagesspiegel”. Na opinião da crítica Daniela Saanwald, era a observação dos detalhes, do que não é encenado, que fazia de “A casa de Alice” uma “pequena descoberta do festival”.

Leia também: Fiel escudeiro de Jorge Fernando morre um mês após a partida do diretor

Em 2015, Chico Teixeira ganhou o grande prêmio do Festival Cinelatino de Toulouse pelo filme “Ausência”, calcado na vida do adolescente Serginho ( Matheus Fagundes ), que assume o papel de homem da casa, cuidando de sua mãe e de seu irmão mais novo, depois que o pai abandonou a família. O filme rendeu a Chico, ainda, quatro prêmios Kikito no Festival de Gramado, incluindo o de melhor filme.

Fonte: IG Gente
Veja Também:  Agnaldo Timóteo detona Bolsonaro e fala sobre filiar-se ao PT
Continue lendo

Entretenimento

André Sturm é o novo secretário do Audiovisual do governo Bolsonaro

Publicado

source

O ex-secretário municipal de Cultura de São Paulo e cineasta André Sturm será o novo secretário do Audiovisual do governo Jair Bolsonaro , segundo informou a Secretaria Especial de Cultura. O convite foi feito pelo secretário Roberto Alvim em um almoço na Fiesp com produtores culturais nesta quinta-feira.

Leia também: Governo revoga exclusão de profissões do setor cultural do MEI

André Sturm arrow-options
Marcos Alves / Agencia O Globo.

André Sturm


Leia também: Chamada de “véia”, jornalista da TV Cultura rebate Olavo de Carvalho

Ele assume o lugar de Katiane Gouvêa, exonerada na quarta-feira após passar apenas duas semana no cargo. A saída de Katiane ocorreu após uma série de reclamações de funcionários da pasta e pessoas próximas a Alvim sobre sua atuação no órgão.

Leia também: Netflix divulga trailer final da aguardada série “The Witcher”; assista

Segundo a Secretaria Especial da Cultura , a econeração ocorreu após Alvim tomar conhecimento de um parecer do Ministério Público Eleitoral com a reprovação das contas de Katiane quando ela foi candidata a deputada federal.

Veja Também:  Whatsapp é principal fonte de informação dos brasileiros, aponta pesquisa

Fonte: IG Gente
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana