conecte-se conosco


Tecnologia

Zueira tem limites? WhatsApp bane membros de grupos com nomes maliciosos

Publicado

source

Olhar Digital

whatsapp arrow-options
shutterstock

WhatsApp bane membros de grupos de zoeira


De acordo com relatos, o WhatsApp está banindo grupos que possuem algum termo malicioso ou ofensivo no nome ou na descrição. O WhatsApp também está proibindo usuários que estavam nestes grupos de usar o app .

O primeiro relato foi encontrado em um fórum do Reddit , no qual o usuário Mowe11 escreveu sobre seu banimento do mensageiro. Ele explica que um colega mudou o nome do grupo da universidade para um termo ilegal, o que determinou a exclusão de todos os integrantes. Ele também confirmou que todos os membros foram banidos do WhatsApp e que foi a terceira vez que um usuário fez isso.

Leia também: WhatsApp bloqueia contas de mais de 500 farmácias brasileiras sem explicação

Francisco Alfaro, outro membro do Reddit, conta que estava em um grupo de sua escola, com cerca de 100 participantes. Quando ele acordou, todos os membros tinham sido banidos sem motivo aparente. O usuário PiTiXX, por sua vez, relata que foi proibido de usar o WhatsApp , porque seu amigo mudou o nome do grupo para algo malicioso, o que gerou a suspensão de todas as contas participantes.

Veja Também:  Empresa cria robô barman e paga pensão a funcionários substituídos por máquinas

No Twitter , alguns usuários também relataram que foram banidos depois de participarem de grupos com nomes que envolviam termos ilegais ou ofensivos. Um usuário afirmou que toda sua turma foi banida do WhatsApp depois de um colega colocar um termo ilegal no nome do grupo. Outra usuária comentou sobre pessoas banidas depois de participarem de um grupo que, por brincadeira, se chamava “pornô infantil”. 

Leia também: WhatsApp bane contas de diversos tatuadores brasileiros sem explicação



Por que usuários estão sendo banidos?

75% de todos os banimentos realizados pelo WhatsApp faz parte de um processo automático, o que muito provavelmente se encaixa nesses casos. Com algoritmos trabalhados através de aprendizado de máquina, o aplicativo identifica comportamentos suspeitos a partir das informações que possui dos usuários. 

Leia também: WhatsApp bane 2 milhões de contas por mês, mas isso não é o suficiente

Veja Também:  Retrospectiva 2019: veja os termos mais buscados no Google este ano

Como as mensagens e todas as mídias que circulam no WhatsApp são criptografadas , a empresa tem acesso apenas a forma com que as pessoas se comportam. Em grupos, a data de criação, o nome e a descrição, por exemplo, são visíveis ao WhatsApp. Por isso, se o nome do grupo faz referência a alguma atividade ilegal, isso é o suficiente para que o algoritmo entenda que todos os membros devem ser banidos – mesmo que o conteúdo do grupo não tenha nada a ver com seu nome. 

Fui banido, e agora?

Existem dois tipos de banimento no WhatsApp : o temporário e o definitivo. No caso do temporário, basta que o usuário aguarde que, em breve, a conta será retomada. Já o caso do banimento definitivo é mais complicado. 

Uma solução é contatar o suporte ao usuário, presente na própria mensagem de aviso de banimento enviada pelo WhatsApp . Se o suporte não retomar a conta, a última solução para o usuário é criar outro perfil no WhatsApp com outro número de telefone – e aí vale fazer a sincronização com a conta anterior através do backup na nuvem. 

Fonte: IG Tecnologia
publicidade

Tecnologia

Game Awards 2019: Oscar dos games vai oferecer 48h de jogos gratuitos

Publicado

source

Olhar Digital

Game Awards arrow-options
Divulgação/Game Awards

Game Awards, o Oscar dos games, acontece nesta quinta-feira


O Game Awards , considerado o Oscar dos games , promove anualmente um festival online. O evento, que acontece nesta quinta-feira (12), apresentará mais de uma dúzia de demos de jogos gratuitos no Steam por 48 horas. Posteriormente, as produções serão retiradas da versão ” free-to-play “.

Apresentado por Geoff Keighley, do Game Awards , o festival é parecido com outros grandes eventos do setor, como E3 ou PAX. No entanto, o evento oferece a oportunidade para criadores pequenos se aproximarem de um grande público.

Leia também: Games e educação: como o Minecraft ensinou crianças sobre tragédias ambientais

As oportunidades no espaço independente se tornam cada vez mais ilimitadas, considerando cerca de 7.800 lançamentos no Steam este ano, e vendas médias de US$ 16.000.

Segundo o Washington Post , o Game Awards do ano passado alcançou 26,2 milhões de espectadores em plataformas como Twitch , Twitter e Steam .

Alguns dos jogos que serão apresentados:

  • System Shock (Nightdive Studios)
  • Eastward (Pixpil/Chucklefish)
  • Spiritfarer (Thunder Lotus)
  • Moving Out (SMG Studio/Devm Games/Team17)
  • Röki (Polygon Treehouse/United Label)
  • Chicory (Greg Lobanov)
  • Wooden Nickel (Brain&Brain)
  • Haven (The Game Bakers)
  • Heavenly Bodies (2pt Interactive)
  • Acid Knife (Powerhoof)
  • The Drifter (Powerhoof)
  • CARRION (Phobia/Devolver)
  • SkateBIRD (Glass Bottom Games)
Veja Também:  Empresa cria robô barman e paga pensão a funcionários substituídos por máquinas

Fonte: IG Tecnologia
Continue lendo

Tecnologia

Empresa cria robô barman e paga pensão a funcionários substituídos por máquinas

Publicado

source

Olhar Digital

robô arrow-options
Reprodução

Empresa criou sistema robótico de bartender


Não há dúvidas de que a automação terá um impacto enorme no emprego nas próximas décadas. Quer o pensamento seja de que isso resultará em desempregos em massa, ou que termine por criar novos empregos, a robótica e a inteligência artificial ainda serão grandes mudanças no local de trabalho. E as empresas de tecnologia sabem disso.

Uma startup que dá um passo proativo nesse aspecto é a Makr Shakr , a empresa por trás do Toni, descrito como “o principal sistema robótico de bartender do mundo”. A companhia anunciou nesta quarta-feira (11) que está lançando a primeira pensão automática do mundo. Para cada robô barman que vender, a empresa entregará uma bolsa mensal de mil dólares a uma pessoa selecionada em um campo que provavelmente será afetado pela automação. O programa piloto começará neste mês, antes de chegar à Europa no final de 2020.

Leia também: Robô vestível pode te tornar 20 vezes mais forte; veja vídeo

Veja Também:  Promoção relâmpago na internet tenta fisgar interessados em trocar de notebook

Segundo a Makr Shakr, o primeiro beneficiado pelo plano será Brian Townsell, de 50 anos, cidadão americano que trabalhou em hotéis e restaurantes durante grande parte de sua carreira. Townsell gostaria de trabalhar no ramo da cervejaria, mas não pôde fazer isso enquanto sustentava sua família.

É aí que a empresa espera que sua pensão seja útil. A startup acredita que esse pagamento ajudará a apoiar as pessoas que buscam formas de emprego mais seguras. Não está claro por quanto tempo os selecionados continuarão recebendo dinheiro.

Esse projeto da Makr Shakr combina a ideia de renda básica universal com as crescentes preocupações sobre automação . No entanto, nesse caso, funciona mais como uma compensação das empresas que estão ajudando a alterar o mercado, pagando diretamente às pessoas que sofreram o impacto da automação.

Leia também: Empresa desenvolve robô que faz faxina no banheiro

Essa área é complicada, com muitos dilemas éticos. As empresas podem se absolver da culpa de interromper os empregos se pagarem uma compensação aos desempregados? Eles deveriam ter influência na escolha de quem recebe o dinheiro? Essa rede privatizada de segurança previdenciária poderia aumentar e, se o fizesse, seu papel ajudaria as pessoas a dificultar a regulamentação das empresas de tecnologia?

Veja Também:  Retrospectiva 2019: veja os termos mais buscados no Google este ano

Nenhuma dessas perguntas é simples de responder. Entretanto, truque de marketing ou não, pelo menos a Makr Shakr está desempenhando um papel importante ao dar um primeiro passo. Afinal, esse problema não desaparecerá tão cedo.

Fonte: IG Tecnologia
Continue lendo

Tecnologia

Celular dobrável Samsung W20 5G começa a ser vendido na China por R$11 mil

Publicado

source

Olhar Digital

samsung arrow-options
Reprodução

Samsung inicia venda de celular dobrável para o mercado chinês


Após o lançamento do Galaxy W20 5G em novembro, o preço do dispositivo ainda era um mistério. Contudo, hoje (12) o modelo começou a aparecer na loja online oficial da Samsung e no JD.com e teve seu preço revelado. Vale lembrar que o celular dobrável equipado com Snapdragon 855 já estava disponível na China , usando apenas a conexão 4G e, em novembro, a empresa sul-coreana atendeu a demanda por uma versão 5G do celular.

Leia também: Mais um celular dobrável: Samsung W20 chega à China com 5G e Snapdragon 855+

Samsung arrow-options
Reprodução

Novo celular já aparece em sites


Na JD.com, o Samsung W20 5G pode ser visto nas edições Standard e Premium . Custando 19.999 Yuan (aproximadamente R$ 11,726), a versão Standart Edition vem com um par gratuito de Galaxy Buds e está disponível para reservas no site da varejista chinesa além de ser a única versão listada na loja oficial da Samsung . Enquanto isso, a Premium Edition custa 29.99 Yuan (cerca de R$ 17) e traz os fones “na caixa” e conta com o serviço VIP da marca.


A Samsung afirma que o envio dos dois modelos começará em 20 de dezembro e as vendas estão limitadas exclusivamente à China , por enquanto não existe disponibilidade internacional do modelo. 

Leia também: Depois de falhas no Galaxy Fold, Samsung anuncia próximo celular dobrável

Especificações

  • Tela principal: 7,3” QXGA + AMOLED flexível (4,2: 3)
  • Tela externa: 4,6” HD + Super AMOLED (21: 9)
  • Processador Octa-core de 64 bits 7nm Qualcomm Snapdragon 855 Plus
  • 12 GB RAM (LPDDR4x)
  • 512 GB de armazenamento (UFS 3.0)
  • Câmera externa: 10MP (2PD), F2.2
  • Câmera traseira tripla:
    • Ultra-Wide: 16 MP, F2.2
    • Wide – Angle: 12 MP (2PD), F1.5 / F2.4, Estabilizador Óptico de Imagem (OIS)
    • Zoom óptico: 12 MP, F2.4, OIS PDAF
  • Câmera frontal dupla:
    • Selfie: 10 MP (2PD) F2.2
    • Profundidade RGB: 8 MP, F1.9
  • Bateria de 4.380 mAh (com carregamento rápido compatível com fio e sem fio)
  • Android 9 Pie com interface própria

Fonte: IG Tecnologia
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana