conecte-se conosco


Agro News

ALGODÃO/CEPEA: Indicador segue em queda e volta a patamar de fevereiro

Publicado


Cepea, 07/04/2021 – O mercado de algodão em pluma continua lento, cenário que vem sendo observado desde a segunda semana de março. De acordo com pesquisadores do Cepea, compradores e vendedores estão afastados do spot nacional e sem interesse em fechar novos contratos a termo – apenas negócios pontuais são realizados quando demandantes têm necessidade e/ou quando vendedores cedem. Agentes de indústrias trabalham com a pluma estocada e/ou recebida por meio de contratos. Esses agentes estão incertos quanto ao comportamento da demanda nos próximos meses e, por isso, atuam com bastante cautela. Nesse cenário, os preços da pluma seguem em queda, voltando aos patamares observados em fevereiro deste ano. Entre 30 de março e 6 de abril, o Indicador CEPEA/ESALQ, com pagamento em 8 dias, caiu 0,31%, fechando em R$ 4,7937/lp nessa terça-feira, 6. Fonte: www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA

Veja Também:  ARROZ/CEPEA: Fraco ritmo de negócios mantém preço relativamente estável
publicidade

Agro News

CITROS/CEPEA: Oferta de laranja deve crescer em abril

Publicado


Cepea, 09/04/2021 – A oferta de laranja, especialmente do grupo das precoces, deve continuar aumentando em abril no estado de São Paulo. Do lado da demanda, restrições impostas em muitos municípios, visando conter o avanço do coronavírus, têm limitado a procura pela fruta por parte de importantes canais de escoamento. Nesse cenário, pesquisadores do Cepea indicam que o movimento de alta nos preços da fruta, verificado até março, pode ser interrompido em abril. Em março, a variedade pera teve média de R$ 38,71/cx de 40,8 kg, na árvore, alta de 2,7% em comparação com fevereiro/21. Fonte: www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA

Veja Também:  BOI/CEPEA: Exportação de março é recorde para o mês
Continue lendo

Agro News

FRANGO/CEPEA: Liquidez interna segue baixa; exportação sobe pelo 2º mês seguido

Publicado


Cepea, 09/04/2021 – Neste começo de abril, os preços da carne de frango recuaram na maioria das regiões acompanhadas pelo Cepea, devido à baixa liquidez. Já as exportações brasileiras da carne apresentam bom desempenho, contexto que ajuda a escoar a proteína avícola. Em março, segundo dados da Secex, o Brasil exportou 396,1 mil toneladas de carne de frango, aumento de 13,6% frente a fevereiro e 13,3% maior que o resultado de março de 2020. Pesquisadores do Cepea indicam que o bom desempenho das vendas externas se deve especialmente aos aquecidos embarques à China e também às Filipinas. Fonte: www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: CEPEA

Veja Também:  CAFÉ/CEPEA: Arábica segue negociado acima de R$ 700/sc
Continue lendo

Agro News

BOI/CEPEA: Exportação de março é recorde para o mês

Publicado


Cepea, 08/04/2021 – As exportações brasileiras de carne bovina in natura voltaram a somar volume significativo em março, impulsionadas especialmente pelos envios à China. Segundo pesquisadores do Cepea, a forte recuperação das vendas externas em março pode estar atrelada aos novos surtos de Peste Suína Africana (PSA) registrados na China e também ao retorno das compras daquele país, depois do Ano Novo Chinês, comemorado em fevereiro. Segundo dados da Secex, em março, foram embarcadas 133,8 mil toneladas da proteína in natura, 31% a mais que em fevereiro e 6,27% acima da quantidade de março de 2020. Trata-se, também, de volume recorde para um mês de março, considerando-se a série histórica da Secretaria, iniciada em 1997. Assim como as exportações, os preços do boi gordo, do bezerro e da carne também atingiram recordes em março e seguem firmes neste começo de abril. Além da demanda externa aquecida, os valores do Brasil são sustentados pela baixa oferta de animais prontos para o abate. Fonte: www.cepea.esalq.usp.br

Veja Também:  FRANGO/CEPEA: Liquidez interna segue baixa; exportação sobe pelo 2º mês seguido
Fonte: CEPEA

Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana