conecte-se conosco


Saúde

Butantan vai entregar 20 milhões de doses da Coronavac em março, diz Dimas Covas

Publicado


source
Dimas Covas, diretor do Instituto Butantan
Divulgação/Governo do Estado de São Paulo

Dimas Covas, diretor do Instituto Butantan

O Instituto Butantan vai entregar mais 20 milhões de doses da Coronavac até o final de março, informou o diretor do órgão, Dimas Covas . Em entrevista à GloboNews na noite deste domingo (28), ele disse que os laboratórios estão trabalhando “a todo vapor” para concluir as doses da vacina contra a Covid-19 .

“Foi possível adiantar produção prevista e vamos trabalhar nesse sentido, para que as vacinas sejam entregues o mais breve possível”, afirmou Covas.

Das 20 milhões prometidas, 5,6 milhões devem estar prontas até o dia 13 de março, disse ele. Covas também se mostrou otimista com a eficácia da Coronavac contra novas variantes do novo coronavírus (Sars-Cov-2).

“O teste da utilização contra a variante P1 [brasileira] está sendo feito no Butantan e brevemente, até o final da próxima semana, vamos ter os primeiros resultados. Com relação à variante inglesa e à variante sul-africana, foram feitos testes lá na China e, embora ainda não divulgados oficialmente, os resultados foram muito positivos”, afirmou.

Neste domingo, o  Instituto Butantan entregou 600 mil doses da Coronavac ao Ministério da Saúde . Ao todo, 3,7 milhões de doses da vacina já foram liberadas pelo instituto para o Programa Nacional de Imunizações .

Fonte: IG SAÚDE

publicidade

Saúde

Médica é suspensa após postar vídeos dançando com pele e gordura de pacientes

Publicado


source
Cirurgiã Caren Trisoglio Garcia postou vídeos de pele de pacientes nas redes sociais
Reprodução/TikTok

Cirurgiã Caren Trisoglio Garcia postou vídeos de pele de pacientes nas redes sociais

A cirurgiã plástica Caren Trisoglio Garcia, que atende em Ribeirão Preto (SP), teve seu registro profissional temporariamente suspenso pelo Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo ( Cremesp ). A suspensão aconteceu depois da médica compartilhar vídeos nas redes sociais que mostram pele e gordura de seus pacientes dentro de sacos plásticos.

De acordo com o G1, a suspensão aconteceu na quinta-feira (8), mas foi registrada no site do Cremesp neste sábado (10). O conselho afirmou que as investigações sobre a conduta da cirurgiã tramitarão em sigilo. Com o CRM inativo, ela não pode atender pacientes até o fim da investigação. Se irregularidades forem constatadas, ela pode perder o registro definitivamente.

Cirurgiã Caren Trisoglio Garcia dançada enquanto segurava pele e gordura de pacientes
Reprodução/TikTok

Cirurgiã Caren Trisoglio Garcia dançada enquanto segurava pele e gordura de pacientes

Nas redes sociais, Caren compartilha sua rotina de trabalho e, dentre os vídeos, já publicou imagens de pele humana e gordura de pacientes dentro de sacos plásticos. Nas imagens, ela aparece dançando enquanto segura os pedaços de pele. No TikTok , ela é acompanhada por mais de 600 mil pessoas.

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica já havia suspendido a médica por seis meses por considerar os vídeos antiéticos e sensacionalistas. De acordo com a sociedade, a atitude de Caren infringe vários artigos do regimento interno, como o compartilhamento de imagens de partes do corpo ou de pré ou pós-operatórios, mesmo com autorização expressa do paciente.

Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

Saúde

Merendeira do massacre de Suzano é primeira profissional de educação vacinada

Publicado


source
Silmara Cristina Andrade, merendeira do massacre de Suzano, foi a primeira profissional de educação a ser vacinada contra a Covid-19 no Brasil
Divulgação/Governo de São Paulo

Silmara Cristina Andrade, merendeira do massacre de Suzano, foi a primeira profissional de educação a ser vacinada contra a Covid-19 no Brasil

A merendeira Silmara Cristina Andrade, de 51 anos, foi a primeira profissional da educação a ser vacinada contra a Covid-19 no Brasil. Silmara trabalha na escola estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), que sofreu um atentado em 2019 .

O governo do estado de São Paulo escolheu a unidade para ser a sede da primeira vacinação da categoria, que se iniciou no estado neste sábado , como um ato simbólico. A escola foi alvo de um massacre em 13 de março de 2019, quando dois atiradores mataram oito pessoas e cometeram suicídio.

Na ocasião, Silmara, que trabalha na escola há 11 anos, foi uma das funcionárias que ajudou cerca de 50 alunos a se esconderem na cozinha. Hoje, ela foi a escolhida para ser a primeira da categoria a receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no estado. “Não esperava que ia ser tão rápido. É muita emoção”, disse ela, de acordo com a Folhapress.

Veja Também:  Anvisa começa na semana que vem inspeção de fábricas da Sputnik V na Rússia

“É a primeira escola do Brasil, não só do estado de São Paulo, a iniciar a vacinação dos profissionais de educação na sua cidade”, disse o governador João Doria , que estava presente durante a vacinação.

Na primeira etapa de vacinação de profissionais da saúde do estado de São Paulo, 350 mil pessoas com mais de 47 anos receberão o imunizante . Dentre elas, estão secretários, auxiliares de serviços gerais, faxineiras, mediadores, merendeiras, monitores, cuidadores, diretores, vice-diretores, professores de todos os ciclos da educação básica, coordenadores pedagógicos e professores temporários.

Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

Saúde

Covid no Brasil: casos aumentam mais de 700% entre janeiro e março, diz Fiocruz

Publicado


source
Covid no Brasil: casos aumentam mais de 700% entre janeiro e março, diz Fiocruz
Foto: Tempura/iStock

Covid no Brasil: casos aumentam mais de 700% entre janeiro e março, diz Fiocruz

O número de casos de Covid-19 no Brasil aumentou 701,58% entre janeiro e março deste ano, segundo um boletim da Fiocruz, divulgado neste sábado (10). O número de mortes também aumentou significativamente e cresceu 468,57% no mesmo período.

Segundo o boletim, a mudança no perfil dos internados e infectados chama a atenção. “Esta mudança no perfil de casos e óbitos contribui para o aumento da pressão sobre o sistema de saúde, potencialmente prolongando o tempo médio de internação”, consta no texto.

Além disso, “já que se trata de uma população com maior circulação devido às atividades de trabalho, é importante considerar o potencial de transmissibilidade aumentado devido a esse rejuvenescimento. Portanto, este fenômeno requer atenção dos gestores para uma intensificação da adoção das medidas de mitigação, como as de distanciamento físico e social”, completa o informe da Fiocruz.

Os maiores aumentos de casos e óbitos foram registrados nas faixas etárias de 30 a 59 anos. O maior crescimento de casos da doença foi na faixa dos 30 aos 39 anos, de 1.218,33%, seguido da faixa dos 40 aos 49, de 1.217,95%. No caso do aumento do número de mortes, chama a atenção o crescimento de 872,73% na faixa etária dos 20 aos 29 anos e de 813,95% dos 30 aos 39.

Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana