conecte-se conosco


Esportes

“Kardashians do surfe” são criticadas por fotos sensuais; conheça as irmãs

Publicado

As irmãs Coffey%2C conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe arrow-options
Instagram / Facebook / Arquivo pessoal

As irmãs Coffey, conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe

A família Coffey é conhecida na Austrália por ser totalmente ligada ao mundo do esporte, já que as quatro irmãs – Ruby-Lee, Bonnie-Lou, Ellie-Jean e Holly-Daze – são surfistas. Até por isso, elas são conhecidas como as Kardashians do surfe.

Leia também: Surfista brasileiro sofre racismo por ter filha branca: “Não estou raptando ela”

De todas, Ellie e Holly disputam o WQS, divisão de acesso à elite do surfe feminino profissional. As outras duas ainda buscam se posicionar melhor na modalidade.

As irmãs não se preocupam em serem chamadas de  Kardashians do surfe . “Obviamente conseguimos entender porque somos comparadas. Tem toda essa história por conta da união com a família. Mas claramente nós somos talentosas e não absurdamente ricas”, disse Ellie-Jean Coffey ao jornal australiano Herald Sun .

As irmãs Coffey%2C conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe arrow-options
Instagram / Facebook / Arquivo pessoal

As irmãs Coffey, conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe

“No final do dia, eles são uma forte e grande família… Diga o que você gosta sobre os Kardashians, eles podem não ser muito talentosos, mas no final do dia eles são uma família unida. Nós somos mais como os Kardashians nesse sentido do que qualquer outra coisa”, acrescentou.

Veja Também:  Benfica empata com Tondela e não alcança a liderança do Português

Leia também: Gabriel Medina tem vídeo íntimo com duas garotas vazado na internet; assista

As irmãs Coffey%2C conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe arrow-options
Instagram / Facebook / Arquivo pessoal

As irmãs Coffey, conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe

Depois que a mãe delas sofreu um acidente, o pai Jason decidiu que precisavam de uma mudança. Os Coffeys saíram de Sidney e, durante dez anos, viveram em uma caravana nômade pela Austrália. Enquanto isso, as crianças estudavam por conta própria. Há cerca de nove anos, se instalaram em Gold Coast, parte leste do país.

As irmãs Coffey%2C conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe arrow-options
Instagram / Facebook / Arquivo pessoal

As irmãs Coffey, conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe

Apesar da fama e dos holofotes na internet, as australianas focam no surfe. “Nós amamos viajar o mundo e estamos bem ativas nas mídias sociais, mas o que realmente queremos é nos concentrar no QS para nos tornarmos profissionais do circuito mundial”, disse Ellie-Jean.

Mas as fotos sensuais que publicam nas redes sociais vêm causando polêmica. Alguns críticos dizem que elas não deveriam postar tantas fotos de biquínis e se preocupar apenas no esporte em alto nível. 

As irmãs Coffey%2C conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe arrow-options
Instagram / Facebook / Arquivo pessoal

As irmãs Coffey, conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe

“Nós realmente não nos importamos com a opinião dessas pessoas, apenas fazemos e estamos bem com isso”, disse Holly-Daze ao Daily Mail. “Se você não gosta, não olhe. Tantas garotas e homens fazem isso também”, finalizou uma das Kardashians do surfe .

As irmãs Coffey%2C conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe arrow-options
Instagram / Facebook / Arquivo pessoal

As irmãs Coffey, conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe


As irmãs Coffey%2C conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe arrow-options
Instagram / Facebook / Arquivo pessoal

As irmãs Coffey, conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe


As irmãs Coffey%2C conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe arrow-options
Instagram / Facebook / Arquivo pessoal

As irmãs Coffey, conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe


As irmãs Coffey%2C conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe arrow-options
Instagram / Facebook / Arquivo pessoal

As irmãs Coffey, conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe


As irmãs Coffey%2C conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe arrow-options
Instagram / Facebook / Arquivo pessoal

As irmãs Coffey, conhecidas na Austrália como as Kardashians do surfe


Fonte: IG Esportes
publicidade

Esportes

Botafoguenses rendem homenagens a Joel Carli nas redes sociais

Publicado


.

O adeus de Joel Carli, do Botafogo, figurou entre os assuntos mais comentados hoje (4) no Twitter. Houve quase sete mil menções ao zagueiro, que vai deixar de defender o uniforme alvinegro, após vesti-lo em 154 partidas. O desligagamento do capitão foi anunciado nesta quinta-feira (4), por nota oficial, pelo Comitê Executivo de Futebol do Alvinegro carioca. “O atleta Mauro Joel Carli não faz mais parte do elenco (…) capitão do time durante boa parte do período em que esteve no Botafogo, o argentino sempre foi conhecido por sua liderança”.

O jogador chegou ao Clube em dezembro de 2015 como reforço para a parte defensiva. Marcou seis gols, o mais importante na final do Campeonato Carioca de 2018 contra o Vasco, aos 49 minutos do segundo tempo. A partida foi para as penalidades e o Glorioso acabou campeão daquele ano.

Veja Também:  Covid-19: Jean, do Cruzeiro, testa positivo e inicia isolamento social

Segundo fontes da sede de General Severiano, Carli não estava nos planos do treinador Paulo Autuori, que o via como um zagueiro lento para o setor. Além do perfil técnico, a situação financeira pesou na decisão dos dirigentes que queriam se livrar de um salário de cerca de R$ 260 mil. Carli tinha contrato até 2021 e a rescisão, segundo a nota do clube, será amigável. Aos 36 anos, ninguém ainda sabe o destino do argentino. Há quem diga que pode ser um time de Pernambuco, mas ainda não existe nenhuma confirmação oficial dos envolvidos.

Para a torcida fica a saudade do ídolo, que não poupou elogios e agradecimentos nas redes sociais. 

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Veja Também:  Benfica empata com Tondela e não alcança a liderança do Português

Continue lendo

Esportes

Benfica empata com Tondela e não alcança a liderança do Português

Publicado


.
A águia Vitória sobrevoou o Estádio da Luz. A torcida, mesmo distante, tentou ajudar colocando mais de 21 mil cachecóis para cobrir a arquibancada. Bastava apenas derrotar o Tondela, que participa pela quinta vez da primeira divisão do Campeonato Português, para o Benfica retomar a liderança da competição na 25ª rodada.

Não deu. O retorno do maior campeão português, com 37 títulos, foi com um empate em 0 a 0 que irritou os torcedores que acompanhavam a partida pelas redes sociais. Brincadeiras como “há três meses que eu não via o Benfica jogar tão mal” tomaram conta dos perfis encarnados no Twitter. Os donos da casa chegaram ao quarto jogo de invencibilidade, mas com apenas uma vitória e três empates consecutivos.

Primeira Liga - Benfica v Tondela Primeira Liga - Benfica v Tondela

Torcedores encarnados distribuíram 21 mil cachecóis pelos assentos do Estádio da Luz para motivar os jogadores  – Tiago Petinga/Pool via REUTERS

Com o resultado, o time do técnico Bruno Lage chegou a 60 pontos, número igual ao do Porto. Entretanto, no Campeonato Português, o primeiro critério de desempate é o confronto direto, e o Porto venceu as duas partidas contra o Benfica

Veja Também:  Porto perde para Famalicão na volta do Campeonato Português

 A fase ruim que a equipe passava antes da paralisação, devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19) continuou. Foram mais de 20 finalizações, mas nenhuma venceu o goleiro Cláudio Ramos. No primeiro tempo, Rafa Silva teve a chance logo no primeiro minuto, mas desperdiçou. Depois disso, o sonolento Benfica pouco ameaçou o Tondela. Na segunda etapa, os donos da casa partiram com tudo pra cima, mas esbarraram na péssima pontaria.

Na próxima rodada, na quarta-feira (10),  o Benfica enfrenta o Portimonense, no Estádio Municipal de Portimão. O Tondela recebe o Desportivo Aves na quinta-feira (11), no Estádio João Cardoso.

Ainda pela 25ª rodada do Campeonato Português, na Ilha da Madeira, Marítimo e Vitória de Guimarães empataram em 1 a 1.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Continue lendo

Esportes

Diego Costa escapa da prisão na Espanha ao pagar multa 36 mil euros

Publicado


.

O jogador brasileiro Diego Costa, naturalizado espanhol, foi condenado hoje (04) na Espanha a seis meses de prisão por fraude fiscal. De acordo com o jornal espanhol Marca, durante a audiência realizada nesta manhã no Tribunal Provincial de Madri, o atleta se declarou culpado pela denúncia apresentada pelo Ministério Público, de que sonegou  1 milhão de euros – aproximadamente R$ 5,8 milhões – ao Tesouro espanhol, na declaração de imposto de renda de 2014. Na ocasião, o atacante foi transferido do Atlético de Madrid para o Chelsea, da Inglaterra. 

 A pena determinada foi de seis meses de prisão, mas a defesa do atleta conseguiu entar em acordo com a Promotoria, que converteu a detenção em pagamento de multa a ser paga em duas etapas: imediatamente o jogador teve de desembolsar o valor de 36 mil euros (aproximadamente R$ 200 mil), e ainda ter de devolver 507.208 euros (cerca de R$ 2,9  milhões) aos cofres públicos.

De acordo com a agência de notícias AFP, que teve acesso à decisão judicial, o que teria facilitado o acordo hoje (4) no Tribunal Provincial de Madri foi o fato de o jogador ter efetuado, em agosto passado, o pagamento de 1,14 milhão de euros (aproximadamente R$ 6,6 milhões), quitando por completo a dívida fiscal, incluindo juros. 

Veja Também:  Covid-19: Jean, do Cruzeiro, testa positivo e inicia isolamento social

Edição: Verônica Dalcanal

Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana