conecte-se conosco


Mulher

Mayra Cardi tem alergia emocional após expor relacionamento abusivo

Publicado


source

Na sexta-feira (26),  Mayra Cardi publicou um vídeo no Instagram expondo as traições de Arthur Aguiar e dizendo que vivia um relacionamento tóxico e abusivo. No sábado (27), o  ator se posicionou diante do caso e rebateu as acusações. Em meio a polêmica, Mayra teve uma reação alérgica. 

mayra cardi com alergia no braço
Reprodução/Instagram

Mayra Cardi diz que teve uma reação alérgica emocional devido aos últimos acontecimentos

“Hoje acordei muito decidida a não falar mais sobre esse assunto. Acordei toda empolada. Estou assim há alguns dias, minha alergia só vem piorando. Estou com o corpo inteiro assim, empolado. É alergia emocional”, falou em seu Instagram nesta segunda-feira (29).

A coach acrescenta que as reações no seu corpo são uma alergia emocional devido aos últimos acontecimentos. Ela ainda fala que fará uma live na rede social com uma profissional para explicar com mais detalhes do que está passando nesse momento de separação e exposição sobre o relacionamento abusivo.

Veja Também:  Como corrigir imperfeições nas sobrancelhas com truques simples

“Aconteceram fatos durante o meu dia que me fizeram entender que isso não é opcional. Vocês vão entender na live, quem vai explicar é a profissional, não eu, mas a maneira que eu tenho e encontrei de me proteger é expondo o assunto. Falando sobre o assunto e não guardando esse assunto dentro de mim igual fiz todos esses anos”. 

A coach acrescenta que tem ajuda profissional para cuidar tanto da alergia quanto da saúde mental. 

Fonte: IG Mulher

publicidade

Mulher

Geisy Arruda lança seu segundo livro de contos eróticos repleto de fetiches

Publicado


source
Geisy Arruda ferveu a web ao surgir provocante em ensaio fotográfico só de lingerie
Reprodução/Instagram/@geisy_arruda

Geisy Arruda ferveu a web ao surgir provocante em ensaio fotográfico só de lingerie


Após o sucesso do seu primeiro livro, “O prazer da vingança”, Geisy Arruda agora lança seu segundo livro digital, nesta quarta-feira (5). “Desejo proibido” é a combinação do sexo e fetiche. O livro digital tem 105 páginas e reúne 13 histórias picantes – e algumas são baseadas em fatos reais.

“Meu segundo livro vem cheio de histórias picantes, tem sexo no táxi, no avião, suruba com mais de 20 pessoas, sexo fora do Brasil, perda de virgindade, podolatria e BDSM. Muitas histórias são verdadeiras, porém o livro é meu diário secreto, é a forma de encontrei de expressar meus desejos mais proibidos sem ser cancelada, já que vivemos em uma sociedade tão conservadora e machista”, adianta Geisy.

Veja Também:  Geisy Arruda lança seu segundo livro de contos eróticos repleto de fetiches

“Espero que todos gostem e gozem muito com ele”, deseja a influenciadora, que escreveu o livro durante a quarentena.

Fonte: IG Mulher

Continue lendo

Mulher

Valesca Popozuda rebate críticas de que teria engordado na quarentena

Publicado


source

A cantora Valesca Popozuda respondeu a algumas mensagens que teria recebido sobre seu ganho de peso nos últimos meses. Ela relatou numa rede social que viu algumas pessoas falarem que ela engordou.

Valesca Popozuda, cantora, funk, engordado, quarentena, críticas
Divulgação/Instagram/Reprodução

Valesca Popozuda responde as críticas que está recebendo por ter “engordado” durante a quarentena.


“Eu vi algumas pessoas falando ‘nossa ela engordou’… Sim eu engordei, eu tô fazendo quarentena, eu não tô mais fissurada em aparecer sarada pra ninguém me desejar, as capas de revista me chamarem, eu quero estar bem comigo mesma, quero estar feliz e estou feliz assim”.

A cantora ainda afirmou que pretende emagrecer quando retornar aos palcos, mas não por influência de ninguém.

“Quando puder voltar a fazer show, eu vou dar uma emagrecida pra poder ter fôlego no palco, os figurinos entrarem mas eu também não vou mais me contar a ter um corpo sarado Pq os homens acham que fico melhor assim, sorry, eu sou feliz e de bem comigo mesma”, relatou Valesca.

Veja Também:  Mulher com cintura de apenas 34 cm diz que seu corpo é naturalmente magro


Fonte: IG Mulher

Continue lendo

Mulher

Iza rebate crítica de Lilia Schwarcz sobre Beyoncé: “Estaria com vergonha”

Publicado


source

A cantora Beyoncé lançou o álbum visual “Black is King” e o trabalho vem causando bastante alvoroço . Por mais que tenha recebido enxurradas de elogios, a obra também está sendo alvo de críticas, como as feitas pela historiadora Lilia Schwarcz. Ela escreveu um texto em sua coluna na Folha de S. Paulo apontando erros que enxerga no filme, mas foi criticada por seu posicionamento. 

Iza e  Lilia Schwarcz
Reprodução/Instagram

Iza critica fala da historiadora Lilia Schwarcz

No site do jornal e nas redes sociais, as pessoas, principalmente negras, reclamaram do posicionamento de Schwarcz. A historiadora disse que Beyoncé falhou ao representar o continente africano e deveria repensar seu trabalho. O comentário da colunista não foi bem-visto, principalmente pelo fato de ser uma mulher branca analisando uma obra sobre negritude. Até mesmo personalidades famosas, como Iza, se posicionaram sobre o texto. 

“Diva pop precisa entender que a luta antirracista não se faz só com pompa, artifício hollywoodiano, brilho e cristal”, dizia o texto de Schwarcz. “Não há como negar as qualidades de ‘Black Is King’. Mas, como nada na obra de Beyoncé cabe apenas numa caixinha, causa estranheza, nesses tempos agitados do presente, que a cantora recorra a imagens tão estereotipadas e crie uma África caricata e perdida no tempo das savanas isoladas”, ela continua. 

Para a colunista, Beyoncé recorreu a esteriótipos para produzir o filme. “Só não era necessário estereotipar dessa maneira uma África isolada e perdida no mundo com muitos leopardos e oncinhas. Melhor Beyoncé sair da sua sala de estar e tomar mais ar de realidade”, escreveu a historiadora em um post no Instagram que coleciona comentários críticos.

“Meu anjo, quem precisa entender sou eu. Eu preciso entender que privilégio é esse que te faz pensar que você tem alguma autoridade para ensinar uma mulher negra como ela deve falar ou não sobre seu povo. Se eu fosse você (valeu, Deus), estaria com vergonha. Agora melhore!”, escreveu Iza no Stories. 

Em “Black is King”, Beyoncé encena as músicas do álbum “The Gift”, que foi composto inicialmente como trilha sonora do filme “Rei Leão. A cantora narra a história de um menino negro dos Estados Unidos, que se reconecta com a sua ancestralidade. 

Veja Também:  Mulher com cintura de apenas 34 cm diz que seu corpo é naturalmente magro
Fonte: IG Mulher

Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana