conecte-se conosco


Economia

Micro e pequenas indústrias voltam a crescer sem compensar perdas acumuladas

Publicado

source

Agência Brasil

confecção máquina de costura arrow-options
Reprodução

Resultado do levantamento em 2019 mostra estabilidade para micro e pequenas indústrias de São Paulo

O Indicador de Atividade da Micro e Pequena Indústria de São Paulo, divulgado nesta sexta-feira (17), mostra que o setor passou por um ano de estabilidade em 2019.

A pesquisa, baseada na avaliação dos empresários sobre os negócios, foi encomendada ao Instituto Data Folha pelo Sindicato da Micro e Pequena Indústria (Simpi).

Produção da indústria apresenta tendência de queda, aponta IBGE

 O índice de satisfação fechou o ano em 108 pontos, melhor resultado desde 2014, quando marcou 112 pontos. “Mesmo com a melhora no índice neste ano, ainda não foi possível compensar as perdas dos anos anteriores”, ressaltou o Simpi.

Quanto ao emprego nas pequenas indústrias, o indicador fechou o ano passado com 99 pontos, puxado pela alta de 103 pontos, devido às contratações de fim de ano .

Quando o índice está acima de 100 pontos significa que o saldo de empregos é positivo, com mais contratações do que demissões. Abaixo de 100 pontos, o saldo é negativo .

Veja Também:  Dólar encerra a R$ 4,475 e renova alta histórica

Confiança da indústria sobe em dezembro e retoma nível de julho de 2018

 A média anual vem sendo negativa desde 2014, com o pior resultado em 2016, quanto ficou em 85 pontos.

Endividamento

Uma parte significativa (45%) das micro e pequenas indústrias fechou dezembro com capital de giro insuficiente. Com isso, 21% dos empresários usaram o cheque especial (modalidade de crédito que tem uma das maiores taxas de juros do mercado) para manter as atividades, e 6% tiveram que recorrer a empréstimos pessoais .

Prepare-se: Senai lista 30 profissões promissoras para a indústria 4.0

 Para o presidente do Simpi, Joseph Couri, caso não haja melhora do cenário em 2020 , as pequenas indústrias vão acumular cinco anos de perdas.

“O balanço do exercício de 2019 aponta o tamanho dos desafios a serem superados e vencidos em 2020, sob pena de termos cinco anos seguidos perdidos”, afirmou.

Fonte: IG Economia
publicidade

Economia

Governo de Pernambuco se une a  Instituto Êxito para ajudar empreendedores

Publicado

source

Com o objetivo de contribuir ainda mais para o estímulo ao empreendedorismo em Pernambuco, o governador Paulo Câmara assinou, nesta quinta-feira (27), um acordo com o Instituto Latino-Americano de Empreendedorismo , Inovação e Desenvolvimento Sustentável (Instituto Êxito de Empreendedorismo).

Leia também:  Dólar encerra a R$ 4,475 e renova alta histórica

A parceria, firmada com o presidente da Instituição, Janguiê Diniz , visa disponibilizar, de forma gratuita, conteúdos digitais por meio da plataforma do Instituto, a exemplo de palestras ao vivo e cursos online, contribuindo com a qualificação profissional de trabalhadores e empreendedores do Estado.

Parceria com Instituto Êxito arrow-options
Instituto Êxito/Divulgação

Autoridades durante a assinatura da parceria entre o governo de Pernambuco e o Instituto Êxito


“Estamos muito felizes com essa parceria, sobretudo, porque desejamos proporcionar uma verdadeira transformação no empreendedorismo de Pernambuco ”, afirmou Janguiê . “A educação transforma, o empreendedorismo transforma, e tudo isso só será possível se unirmos forças em prol do desenvolvimento do nosso país”, finalizou.

autoridades pernambucanas arrow-options
Divulgação/Instituto Êxito

Parceria pode capacitar profissionais pernambucanos na área do empreendedorismo





A parceria vai beneficiar, especialmente, os profissionais que passarem pelo Qualifica PE , programa que abriga vários cursos voltados para o desenvolvimento do trabalhador. “Estamos sempre buscando alternativas que nos ajudem a gerar mais oportunidades para os pernambucanos. E apostamos no reforço do empreendedorismo no nosso Estado, seja através do Crédito Popular ou da qualificação profissional”, afirmou Paulo Câmara .

Veja Também:  Procon notifica Samsung, Sony e outras marcas sobre problemas com peças chinesas

Com a iniciativa, cursos de desenvolvimento pessoal serão disponibilizados por meio de uma plataforma, além de técnicas de empreendedorismo, interação com empreendedores reconhecidos no mercado, mentorias e salas virtuais. A parceria permitirá ainda a realização de consultorias gratuitas online, de acordo com a disponibilidade de atendimento da equipe do Instituto.

Plataforma

Os cursos online contidos na plataforma do Êxito estarão disponíveis gratuitamente e poderão auxiliar na formação e qualificação dos profissionais pernambucanos.

Feirão Limpa Nome oferece descontos de até 98% em dívidas; conheça

“No ano passado, cerca de 16 mil trabalhadores e empreendedores foram beneficiados com as ações de qualificação, capacitação e treinamento da Secretaria do Trabalho . Esse ano, vamos qualificar muito mais pessoas, que ainda terão essas plataformas digitais como apoio”, frisou o secretário do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes .

Outro benefício do acordo é abrir portas para os trabalhadores cadastrados nos desafios e concursos realizados pelo Instituto Êxito, sem ônus financeiro na inscrição.

Participaram da assinatura do convênio o governador do Estado, Paulo Câmara ; o secretário estadual do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes ; o vice-presidente do Instituto Êxito, Cláudio Castro ; Rafael Figueiredo e Luiz Augusto , sócios-fundadores da instituição; e o coordenador do Comitê de Responsabilidade Social do Êxito, Sérgio Murilo Filho .

Veja Também:  Governo de Pernambuco se une a  Instituto Êxito para ajudar empreendedores

Os profissionais que tiverem interesse poderão realizar o cadastro acessando o site do Instituto Êxito .

Fonte: IG Economia
Continue lendo

Economia

Governo de Pernambuco se une a  Instituto Êxito para ajudar empreendedores

Publicado

source

Com o objetivo de contribuir ainda mais para o estímulo ao empreendedorismo em Pernambuco, o governador Paulo Câmara assinou, nesta quinta-feira (27), um acordo com o Instituto Latino-Americano de Empreendedorismo , Inovação e Desenvolvimento Sustentável (Instituto Êxito de Empreendedorismo).

Leia também:  Dólar encerra a R$ 4,475 e renova alta histórica

A parceria, firmada com o presidente da Instituição, Janguiê Diniz , visa disponibilizar, de forma gratuita, conteúdos digitais por meio da plataforma do Instituto, a exemplo de palestras ao vivo e cursos online, contribuindo com a qualificação profissional de trabalhadores e empreendedores do Estado.

Parceria com Instituto Êxito arrow-options
Instituto Êxito/Divulgação

Autoridades durante a assinatura da parceria entre o governo de Pernambuco e o Instituto Êxito


“Estamos muito felizes com essa parceria, sobretudo, porque desejamos proporcionar uma verdadeira transformação no empreendedorismo de Pernambuco ”, afirmou Janguiê . “A educação transforma, o empreendedorismo transforma, e tudo isso só será possível se unirmos forças em prol do desenvolvimento do nosso país”, finalizou.

autoridades pernambucanas arrow-options
Divulgação/Instituto Êxito

Parceria pode capacitar profissionais pernambucanos na área do empreendedorismo





A parceria vai beneficiar, especialmente, os profissionais que passarem pelo Qualifica PE , programa que abriga vários cursos voltados para o desenvolvimento do trabalhador. “Estamos sempre buscando alternativas que nos ajudem a gerar mais oportunidades para os pernambucanos. E apostamos no reforço do empreendedorismo no nosso Estado, seja através do Crédito Popular ou da qualificação profissional”, afirmou Paulo Câmara .

Veja Também:  Após concessão, Estrada Velha de Santos (SP) deverá se tornar espaço de lazer

Com a iniciativa, cursos de desenvolvimento pessoal serão disponibilizados por meio de uma plataforma, além de técnicas de empreendedorismo, interação com empreendedores reconhecidos no mercado, mentorias e salas virtuais. A parceria permitirá ainda a realização de consultorias gratuitas online, de acordo com a disponibilidade de atendimento da equipe do Instituto.

Plataforma

Os cursos online contidos na plataforma do Êxito estarão disponíveis gratuitamente e poderão auxiliar na formação e qualificação dos profissionais pernambucanos.

Feirão Limpa Nome oferece descontos de até 98% em dívidas; conheça

“No ano passado, cerca de 16 mil trabalhadores e empreendedores foram beneficiados com as ações de qualificação, capacitação e treinamento da Secretaria do Trabalho . Esse ano, vamos qualificar muito mais pessoas, que ainda terão essas plataformas digitais como apoio”, frisou o secretário do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes .

Outro benefício do acordo é abrir portas para os trabalhadores cadastrados nos desafios e concursos realizados pelo Instituto Êxito, sem ônus financeiro na inscrição.

Participaram da assinatura do convênio o governador do Estado, Paulo Câmara ; o secretário estadual do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes ; o vice-presidente do Instituto Êxito, Cláudio Castro ; Rafael Figueiredo e Luiz Augusto , sócios-fundadores da instituição; e o coordenador do Comitê de Responsabilidade Social do Êxito, Sérgio Murilo Filho .

Veja Também:  Vendas do Tesouro Direto caem 27,6% em janeiro

Os profissionais que tiverem interesse poderão realizar o cadastro acessando o site do Instituto Êxito .

Fonte: IG Economia
Continue lendo

Economia

Confira os números sorteados da Mega-Sena desta quinta: prêmio é R$ 200 milhões

Publicado

source
volante mega-sena arrow-options
Divulgação

Em 2020, ninguém acertou as seis dezenas sorteadas na Mega-Sena

A Mega-Sena desta quinta-feira (27) vai entregar R$ 200 milhões , o terceiro maior prêmio da história dos concursos regulares, para quem acertar as seguintes dezenas:

11, 20, 27, 28, 53, 60

A Caixa ainda não informou se o concurso 2.237 desta quinta-feira teve ganhadores. No sorteio anterior, 2.236, ninguém acertou as seis dezenas, então o prêmio, à época estimado em R$ 190 milhões, acumulou.

Em 2020, ninguém conseguiu acertar todos os números em um concurso, então já são 17 sorteios sem vencedor do prêmio máximo.

Com isso, a acumulação faz com que o prêmio desta quinta seja estimada em um valor expressivo, de R$ 200 milhões, a terceira maior prêmiação regular – isto é, que exclui a Mega da Virada – de toda a história da maior loteria do Brasil.

Leia também:  Já imaginou ganhar a Mega-Sena? Veja como prêmios são pagos com segurança

As apostas para a Mega-Sena podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa em todo o país. O bilhete simples da Mega-Sena, com seis dezenas, custa R$ 4,50 .

Veja Também:  Procon notifica Samsung, Sony e outras marcas sobre problemas com peças chinesas

Como funciona

O concurso é realizado pela Caixa Econômica Federal e pode pagar milhões ao sortudo que acertar as seis dezenas. Os sorteios ocorrem ao menos duas vezes por semana – normalmente, às quartas-feiras e aos sábados.

O apostador também pode ganhar prêmios com valor mais baixo caso acerte quatro ou cinco números , as chamadas Quadra e Quina, respectivamente.

Na hora de jogar, o apostador pode escolher os números ou tentar a sorte com a Surpresinha – nesse modelo, o sistema escolhe automaticamente as dezenas que serão jogadas. Outra opção é manter a mesma aposta por dois, quatro ou até oito sorteios consecutivos, a chamada Teimosinha .

Premiação

Os prêmios iniciais costumam ser de aproximadamente R$ 3 milhões para quem acerta as seis dezenas. O valor vai acumulando a cada concurso sem vencedor.

Também é possível ganhar prêmios ao acertar quatro ou cinco números dentre os 60 disponíveis no volante de apostas. Para isso, é preciso marcar de seis a 15 números do volante.

Leia também:  Dinheiro da aposta não serve só para premiar: quem ganha com recurso da loteria?

Veja Também:  Marcado pelo turismo, carnaval deve movimentar R$ 8 bilhões

O prêmio bruto da Mega-Sena corresponde a 43,35% da arrecadação . Deste valor:

35% são distribuídos entre os acertadores dos seis números sorteados;
19% entre os acertadores de cinco números (Quina);
19% entre os acertadores de quatro números (Quadra);
22% ficam acumulados e distribuídos aos acertadores dos seis números nos concursos de final zero ou cinco; e
5% ficam acumulado para a primeira faixa (Sena) do último concurso do ano de final zero ou cinco.

Fonte: IG Economia
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana