conecte-se conosco


Economia

Operação de ‘guerra’ e agências vazias no segundo dia de saques do FGTS

Publicado

Governo quer aquecer economia com liberação do FGTS arrow-options
Gabriel Guedes/Brasil Econômico

Governo quer aquecer economia com liberação

RIO — Os clientes interessados no  saque emergencial do  Fundo de Garantia do Tempo de Serviço  ( FGTS ) encontraram os bancos vazios neste sábado chuvoso no Rio. Para atender o público, a  Caixa Econômica Federal decidiu abrir, extraordinariamente, todas as suas agências na cidade, com esquema especial definido de acordo com o volume de depósitos em cada uma delas. Porém, o clima foi de tranquilidade.

Leia também: Saiba como retirar o FGTS: Caixa divulga calendário para saques

“A gente se preparou para a guerra. Se viesse uma multidão, estávamos prontos para atender todo mundo”, comentou o superintendente regional da Caixa para a Zona Norte do Rio, Cláudio Martins, especulando que o baixo movimento se deva ao nível de informação dos clientes. “Não aparece gente querendo se informar se tem ou não direito ao saque. Todo mundo já sabe, acompanha tudo pelo aplicativo .”

A reportagem do GLOBO percorreu cinco agências na parte da manhã, espalhadas por três bairros. Em todas, com exceção de uma em Bonsucesso, era possível contar nos dedos o número de clientes. Segundo Martins, apenas em Bonsucesso, Bangu e Queimados houve bastante procura por saques do FGTS e informações sobre o programa do governo federal de incentivo ao consumo.

Veja Também:  Bolsonaro veta maior desoneração da folha em sanção da MP do corte de salários

Leia também: Devedor de pensão alimentícia não poderá fazer saque emergencial do FGTS

Leonardo Ferreira esteve numa agência da Caixa em Bonsucesso, uma das mais movimentadas da cidade neste sábado

Leonardo Ferreira, de 32 anos, que trabalha há dez anos numa empresa de montagem industrial, usou o telefone para se assegurar que tinha direito a receber R$ 500 do seu FGTS, e foi neste sábado a uma agência em Bonsucesso para efetuar o saque. Mas em vez de gastar com compras, como esperava o governo, ele vai usar o dinheiro para pagar dívidas com o IPVA .

“Esse dinheiro dá uma ajuda a quem estava com dívidas, como eu, mas podia ser uma quantia maior”, reclamou Ferreira.

O garçom Antônio Bezerra Mourão, de 54 anos, fez críticas ao programa do governo, mas, como tem direito ao saque, vai usar o dinheiro para quitar dívidas e pagar contas.

A calculadora usa como base o saldo do trabalhador na data da simulação. O valor ficará sujeito a novos depósitos mensais, que serão feitos pelo empregador até a data do saque, e à correção de 3% mais Taxa Referencial (TR) ao ano.

Veja Também:  Planos de saúde perdem 283 mil clientes em 2 meses, diz ANS

 “Eu não queria que o dinheiro fosse retirado do meu FGTS, mas o depósito é automático”, criticou Mourão, cearense de Nova Russas que se mudou para o Rio quando tinha 19 anos e trabalha, desde então, num restaurante árabe. “O Michel Temer tentou e não deu em nada. Está todo mundo desempregado.”

Por causa do baixo valor a que tinha direito, Rogério Volponi, de 48 anos, foi a uma agência neste sábado para conferir o depósito, mas não fez saques: preferiu deixar o dinheiro na conta para gastos do dia a dia. Trabalhador informal há três anos, Volponi tinha uma pequena quantia numa conta inativa do FGTS, referente a um breve período que trabalhou com carteira assinada.

“Se eu coloco o dinheiro no bolso, não durava uma semana”, brincou Volponi. “A gente vive uma recessão. Essa medida é paliativa , não vai movimentar muito a economia. O consumo não vai voltar ao nível que a gente via há alguns anos.”

Os saques emergenciais do FGTS, limitados a R$ 500 por cada conta vinculada no fundo, começaram nesta sexta-feira. Nesta primeira leva, apenas pessoas nascidas entre janeiro e abril, com poupança ou conta-corrente na Caixa, estão aptos a receber.

publicidade

Economia

Movimento caiu 88% no Aeroporto de Guarulhos, diz administradora

Publicado


source
guarulhos
Divulgação

Queda no tráfego de passageiros foi de 88% em relação ao mesmo período em 2019

Na segunda-feira (6), a Invepar – uma das empresas administradoras do Aeroporto de Guarulhos – afirmou que o tráfego de passageiros caiu 88% com relação ao mesmo período em 2019.

O impacto foi causado pela pandemia de Covid-19 e pelas medidas de isolamento social.

A Invepar é integrante do consórcio que administra o Aeroporto de Guarulhos – maior do Brasil – e também informou que em junho o movimento de passageiros foi 35% maior do que em maio, mas insuficiente para evitar uma queda de 86% no comparativo com junho de 2019.

Entre abril e junho, o transporte de cargas pelo aeroporto foi 52% menor  e comparação ao ano passado. Isoladamente, o movimento de cargas no terminal caiu 5% em junho contra maio e 46% comparando 2019 a 2020.

Veja Também:  Governo Bolsonaro quer dobrar verba em propaganda para melhorar imagem

Continue lendo

Economia

PF deflagra operação contra fraudes no INSS envolvendo ‘falsa incapacidade’

Publicado


source
inss
Agência Brasil

Políicia Federal deflagrou operação contra fraudes no INSS nesta terça-feira (7)

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta terça-feira (7) uma operação para investigar fraudes contra o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em benefícios por incapacidade temporária e aposentadorias por incapacidade permanente. Segundo a Polícia Federal, os responsáveis e integrantes da organização criminosa são médicos, advogados e intermediários.

A Operação Revide é resultado de uma força-tarefa previdenciária que une o Núcleo de Inteligência Previdenciária e Trabalhista em São Paulo, a Procuradoria Federal e o INSS . As investigações desvendaram que as fraudes ocorrem em sede judicial. O perito do juízo recebia propina do grupo para declarar pessoas saudáveis como incapazes para o trabalho.

Segundo nota da PF , foram expedidos 23 mandados de busca e apreensão para cumprimento no estado de São Paulo, na cidade de São Paulo, Guarulhos e Caieiras e no estado de Minas Gerais, na cidade de Poços de Caldas, além de medidas restritivas de direitos para impedir que o grupo continue a atuar.

Veja Também:  Bolsonaro veta maior desoneração da folha em sanção da MP do corte de salários

“Em uma amostragem inicial, verificou-se que as fraudes provocaram desvios de mais de R$ 13 milhões, porém, em razão do desmantelamento da organização criminosa, estima-se que será evitado um prejuízo de mais de R$ 27 milhões. Referidos valores dizem respeito a um recorte investigativo, pois, ao que tudo indica, as somas podem ser muito maiores”, diz a PF.

Continue lendo

Economia

Planos de saúde perdem 283 mil clientes em 2 meses, diz ANS

Publicado


source
planos
Agência Brasil

Apesar da queda do número de clientes nos últimos em abril e maio, a ANS avalia que o cenário é de estabilidade

Os planos de saúde no Brasil perderam 283 mil clientes em dois meses, segundo balanço divulgado nesta terça-feira (7) pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

De acordo com os dados da ANS, em maio, o número de beneficiários caiu para 46,829 milhões de pessoas, contra 47,113 milhões no final de março. A redução do número de clientes ocorre em meio à pandemia da Covid-19. Em maio do ano passado, o número de clientes estava em 46,956 milhões.

Apesar da queda do número de clientes nos últimos em abril e maio, a ANS avalia que o cenário é de estabilidade. “No geral, o setor manteve a tendência de estabilidade, com pequenas oscilações em relação aos meses anteriores. Cabe ressaltar que os números podem sofrer modificações retroativas em função das revisões efetuadas pelas operadoras”, afirmou a agência, em nota.

Veja Também:  Indústria: Em recuperação, faturamento cresce 11,4% em maio

A perda de beneficiários tem sido puxada pela diminuição dos planos individuais. Em maio, essa modalidade de contratação tinha 8,95 milhões de clientes, ante 9,042 milhões em igual mês de 2019. Nos planos coletivos empresariais, o número de beneficiários caiu para 31,609 milhões – 61 mil pessoas a menos na comparação anual.

Os números a ANS mostram ainda que existem atualmente 739 operadoras em atividades no país com 17.692 planos ativos.

Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana