conecte-se conosco


Policia Federal

PF cumpre novo mandado de prisão contra suspeito usando prova de DNA

Publicado


Curitiba/PR- A Polícia Federal cumpriu, nesta sexta-feira (20/11), com apoio do DEPEN/PR, novo mandado de prisão preventiva contra indivíduo suspeito de participar de roubo contra veículo de SEDEX dos Correios, desta vez em 19/9/2017, nos bairros Xaxim e Sítio Cercado.

O crime ocorreu de forma violenta. O suspeito agiu no momento de entrega de objeto postal na residência de cliente dos correios, usando arma de fogo para ameaçar as vítimas.

Com relação ao suspeito preso, este é o terceiro mandado de prisão preventiva cumprido contra ele em dois anos, por quatro roubos a veículos Sedex dos Correios nos bairros Sítio Cercado (3 vezes) e Xaxim (1 vez), em 19/9/2017, 24/11/2017 e 17/9/2019.

Em dois mandados, os pedidos da autoridade policial foram fundamentados em provas de DNA, que foram coletados pela perícia criminal federal no local do crime.

O mandado judicial foi expedido pela 14ª Vara da Justiça Federal de Curitiba/PR.

O preso será indiciado pelo crime de roubo qualificado, cuja pena pode ultrapassar 15 anos de prisão.

Veja Também:  PF cumpre mandados de busca e apreensão para investigar crimes eleitorais no Ceará

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Curitiba/PR

[email protected]

Contato: 41-3251-7813

publicidade

Policia Federal

PF deflagra operação contra fraudes à licitação no município de Ladário/MS

Publicado


Corumbá/MS – A Polícia Federal deflagrou nesta quinta, 26/11, a Operação Posto Exclusivo, com o objetivo de combater a prática de crimes de corrupção envolvendo licitações na Prefeitura do Município de Ladário, no estado do Mato Grosso do Sul.

Aproximadamente 55 policiais federais cumprem 12 mandados de busca e apreensão, expedidos pela 1ª Vara Federal de Corumbá/MS, nas cidades de Ladário/MS, Corumbá/MS e Rio de Janeiro/RJ.

A investigação teve início após denúncia que indicava haver conluio de um empresário do ramo de combustíveis com servidores municipais. Os investigados poderão responder pelos crimes de corrupção passiva e ativa, por crimes previstos na Lei de Licitações e Contratos e por organização criminosa, prevista na Lei nº 12.850/2013, conforme aprofundamento dos trabalhos.

O nome da operação faz referência ao fato de a empresa investigada ser a única fornecedora de combustível à Prefeitura de Ladário, vencendo sucessivas licitações com suspeitas de fraudes.

Em razão da situação de pandemia da COVID-19, a Polícia Federal planejou uma logística especial de prevenção ao contágio, com distribuição de EPIs a todos os envolvidos na deflagração, a fim de preservar a saúde dos policiais, testemunhas, investigados e seus familiares.

Veja Também:  PF deflagra a Operação Canal Seguro - mais uma fase da Operação Descarte - em São Paulo

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Mato Grosso do Sul

Fone: (67) 3368-1105
E-mail: [email protected]

Continue lendo

Policia Federal

Nota à Imprensa

Publicado


Brasília/DF – A Polícia Federal informa que a Delegada de Polícia Federal Christiane Correa Machado deixou, a pedido próprio, a chefia administrativa do Serviço de Inquéritos (SINQ/CGRC/DICOR), permanecendo normalmente na condução do Inquérito Policial nº 4.831, que tramita no Supremo Tribunal Federal – STF.

A Delegada segue lotada na Coordenação Geral de Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro (CGRC/DICOR), onde continuará exercendo as suas funções.

Assume a chefia do SINQ o Delegado de Polícia Federal Felipe Leal, que já atuava no setor.

 

Divisão de Comunicação Social da Polícia Federal

Contato: (61) 2024-8142

Veja Também:  PF prende duas pessoas por tráfico de entorpecentes
Continue lendo

Policia Federal

PF prende duas pessoas por tráfico de entorpecentes

Publicado


Belo Horizonte/MG – A Polícia Federal, em conjunto com a Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (FICCO) de Uberaba/MG, prendeu em flagrante um homem e uma mulher por tráfico de drogas em Belo Horizonte.

Um motorista de aplicativo, de 37 anos, transportava aproximadamente 320 kg de maconha em um veículo. A droga tinha como destino a Região Metropolitana da Capital e foi apreendida. A Polícia Federal identificou que parte da droga seria entregue a uma taxista, de 23 anos.

Ambos foram presos em flagrante por tráfico de drogas, podendo cumprir até 25 anos de reclusão, se condenados.

Seguindo todos os protocolos de cuidados do Ministério da Saúde em face da pandemia do Covid-19, a Polícia Federal continua trabalhando.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Minas Gerais

[email protected] | www.pf.gov.br

Contato: (31) 3330-5270

Veja Também:  PF deflagra a Operação Canal Seguro - mais uma fase da Operação Descarte - em São Paulo
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana