conecte-se conosco


Policia Federal

PF deflagra operação Grande Família para combater fraudes previdenciárias

Publicado

Teresina/PI – A Polícia Federal deflagrou nesta quarta- feira (15/05) a Operação GRANDE FAMÍLIA, visando desarticular quadrilha especializada no recebimento de benefícios previdenciários de segurados falecidos.

Cerca de 125 policiais federais dos Estados do Piauí, Ceará, Maranhão, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco deram cumprimento a 31 mandados de busca e apreensão e 21 mandados de prisão preventiva, expedidos pela 3ª Vara da Seção Judiciária Federal em Teresina. Os mandados estão sendo cumpridos nos estados do Piauí e Maranhão.

As investigações tiveram início em 2018, a partir de Relatórios produzidos pela Coordenação Geral de Inteligência Previdenciária e Trabalhista (CGINT) da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia – órgão integrante da Força tarefa Previdenciária – que apontaram irregularidades em transferências de benefícios previdenciários do Maranhão para o Piauí.

A quadrilha, formada por estelionatários e servidores públicos, falsificava documentos em nome dos beneficiários falecidos, abria contas bancárias e, posteriormente, servidores do INSS integrantes da quadrilha transferiam os benefícios do Estado do Maranhão para Teresina.

Veja Também:  PF prende foragido da Justiça em Ji-Paraná/RO

Cerca de 640 benefícios previdenciários fraudados foram identificados no curso da investigação. A Justiça Federal determinou a imediata suspensão destes benefícios, medida que evitará um prejuízo futuro estimado em R$ 80 milhões. Também determinou a apreensão de veículos, o bloqueio das contas bancárias dos presos e a suspensão do exercício da função pública para os servidores do INSS.

Os investigados deverão responder pelos crimes de associação criminosa (artigo 288 do CPB), estelionato qualificado (artigo 171, § 3º, do CPB), falsidade ideológica (artigo 299 do CPB), uso de documento falso (artigo 304 do CPB), corrupção passiva (artigo 317, §1º, do CPB) e corrupção ativa (artigo 333, p. u., do CPB).

 

Será concedida entrevista coletiva hoje, às 10hs, no auditório da Superintendência Regional da Polícia Federal em Teresina.

 

 

*** O nome da Operação decorre do fato de 07 presos pertencerem a uma única família. 

Fonte: Polícia Federal
publicidade

Policia Federal

PF prende foragido da Justiça em Ji-Paraná/RO

Publicado


.

Ji-Paraná/RO – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (5/6) a Operação Multiple Identities, com o objetivo de dar cumprimento a mandados de prisão e de busca e apreensão em desfavor de indivíduo com antecedentes criminais por tráfico, roubo à mão armada e tentativa de sequestro de aeronave no Aeroporto José Coleto (JPR). 

Nos últimos dias, a equipe de investigação realizou levantamentos acerca do alvo da operação, que já tinha sido preso pela Polícia Federal de Ji-Paraná em 2017 e condenado pela Justiça Federal. 

Atualmente em gozo de liberdade condicional, o preso é foragido da Justiça dos Estados do Mato Grosso e do Mato Grosso do Sul. Ele vivia nesta cidade utilizando nome e documentos falsos para não atrair suspeitas e não ser responsabilizado por seus crimes. 

Na manhã de hoje, ao ser dado cumprimento ao mandado de prisão, o investigado apresentou seus documentos falsos, oportunidade em que foi dada voz de prisão em flagrante também pelo crime de uso de documento falso. 

Veja Também:  Polícia Federal combate disseminação de pornografia infanto-juvenil no Amapá

Em busca domiciliar, autorizada pela Justiça Federal de Ji-Paraná, verificou-se ainda que o preso continua dedicado à prática do tráfico de drogas, razão pela qual se deu mais um flagrante. Foram encontrados em sua residência drogas, balança de precisão e outros objetos de interesse para a investigação. 

O nome dado à operação faz alusão às diversas identidades empregadas pelo alvo como forma de se furtar da Justiça Penal brasileira. 

Os procedimentos dos flagrantes foram formalizados na Delegacia de Polícia Federal de Ji-Paraná/RO.

Comunicação Social da Polícia Federal em Rondônia/RO

Contato (69) 3216-6242

Continue lendo

Policia Federal

Operação conjunta apreende 4 kg de cloridrato de cocaína

Publicado


.

Jataí/GO – Operação conjunta entre as Polícias Federal e Militar resultou na apreensão de 4 kg de cloridrato de cocaína e na prisão de uma pessoa em Mineiros na noite desta sexta-feira (5/6).

A droga estava sendo transportada em um veículo da fronteira do Paraguai e tinha como destino a cidade de Brasília/DF.

Após a abordagem policial, o veículo e a droga apreendida, além do preso, foram encaminhadas à Delegacia de Polícia Federal em Jataí.        

     

                                                                                                                     Comunicação Social da Polícia Federal em Goiás

Contato: (62) 3240-9607
E-mail: [email protected]

Veja Também:  PF efetua prisão de suspeito de praticar crime sexual
Continue lendo

Policia Federal

PF apreende 170 kg de cocaína escondidos nos pneus de um caminhão

Publicado


.

Passo Fundo/RS – A Polícia Federal apreendeu na sexta-feira (5/6) cerca de 170 kg de cocaína transportados nos pneus um caminhão. A ação teve o apoio da Polícia Rodoviária Federal.

Policiais federais receberam a informação de que um caminhão carregado com a droga estaria no município de Lagoa Vermelha e realizaram diligências para localizar o veículo. A abordagem policial ocorreu em um posto de combustível na entrada do município. O veículo foi recolhido e inspecionado pelos policiais. A droga foi localizada dentro de quatro pneus do caminhão.

O condutor do veículo, de 38 anos, e os outros dois homens, de 37 e 29 anos, foram presos em flagrante por tráfico internacional de drogas.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Passo Fundo
Fone: (54) 3318-9000
twitter.com/pfrs

Veja Também:  PF investiga concessão fraudulenta de benefícios irregulares a presidiários
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana