conecte-se conosco


Policia Federal

PF deflagra operação Grande Família para combater fraudes previdenciárias

Publicado

Teresina/PI – A Polícia Federal deflagrou nesta quarta- feira (15/05) a Operação GRANDE FAMÍLIA, visando desarticular quadrilha especializada no recebimento de benefícios previdenciários de segurados falecidos.

Cerca de 125 policiais federais dos Estados do Piauí, Ceará, Maranhão, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco deram cumprimento a 31 mandados de busca e apreensão e 21 mandados de prisão preventiva, expedidos pela 3ª Vara da Seção Judiciária Federal em Teresina. Os mandados estão sendo cumpridos nos estados do Piauí e Maranhão.

As investigações tiveram início em 2018, a partir de Relatórios produzidos pela Coordenação Geral de Inteligência Previdenciária e Trabalhista (CGINT) da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia – órgão integrante da Força tarefa Previdenciária – que apontaram irregularidades em transferências de benefícios previdenciários do Maranhão para o Piauí.

A quadrilha, formada por estelionatários e servidores públicos, falsificava documentos em nome dos beneficiários falecidos, abria contas bancárias e, posteriormente, servidores do INSS integrantes da quadrilha transferiam os benefícios do Estado do Maranhão para Teresina.

Veja Também:  PF realiza diversas ações de combate ao crime de contrabando de cigarros e eletrônicos no Paraná

Cerca de 640 benefícios previdenciários fraudados foram identificados no curso da investigação. A Justiça Federal determinou a imediata suspensão destes benefícios, medida que evitará um prejuízo futuro estimado em R$ 80 milhões. Também determinou a apreensão de veículos, o bloqueio das contas bancárias dos presos e a suspensão do exercício da função pública para os servidores do INSS.

Os investigados deverão responder pelos crimes de associação criminosa (artigo 288 do CPB), estelionato qualificado (artigo 171, § 3º, do CPB), falsidade ideológica (artigo 299 do CPB), uso de documento falso (artigo 304 do CPB), corrupção passiva (artigo 317, §1º, do CPB) e corrupção ativa (artigo 333, p. u., do CPB).

 

Será concedida entrevista coletiva hoje, às 10hs, no auditório da Superintendência Regional da Polícia Federal em Teresina.

 

 

*** O nome da Operação decorre do fato de 07 presos pertencerem a uma única família. 

publicidade

Policia Federal

PF e PRF prendem dois traficantes com mais de 30 kg de cocaína em Quissamã/RJ

Publicado


.

Quissamã/RJ – Na manhã de hoje, 10/07, policiais federais, em ação conjunta com a Polícia Rodoviária Federal, prenderam dois homens transportando mais de 30 kg de pasta base de cocaína, em Quissamã/RJ, no Norte Fluminense.

A ação ocorreu durante fiscalização de rotina na rodovia BR-101 e contou com a troca de informações de inteligência entre os órgãos (PF e PRF). A droga foi encontrada pelos policiais, em compartimento preparado para ocultar drogas, no interior de dois veículos, também, apreendidos na ação.

Os policiais avistaram os carros em atitude suspeita e após abordagem e buscas minuciosas lograram êxito em encontrar as drogas que, segundo informações, teriam como destino a cidade Campos/RJ.

 Os presos foram encaminhados com a droga e os veículos apreendidos para formalização do Auto de Prisão em Flagrante na Delegacia de Polícia Federal em Macaé/RJ.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro

cs.srrj[email protected] | www.pf.gov.br

(21) 2203-4404 / 4405 / 4406 / 4407

Veja Também:  Operação Medida por Medida investiga grupo criminoso que atuava no Instituto de Pesos e Medidas do Amapá
Continue lendo

Policia Federal

PF combate circulação de moeda falsa em Congonhas/MG

Publicado


.

Belo Horizonte/MG – A Polícia Federal deflagrou hoje, 10/7/2020, a Operação Policial “Argentum Profhetas”, para combater o crime de moeda falsa na cidade mineira de Congonhas/MG.

A PF representou por quatro mandados de busca e apreensão, todos expedidos pela 9ª Vara da Justiça Federal em Belo Horizonte e cumpridos em Congonhas.

As investigações, que tiveram início em abril deste ano, identificaram uma quadrilha especializada no derrame de cédulas falsas naquela cidade e em vários estados da Federação. Restou apurado que os investigados colocavam em circulação cerca de 60 mil reais em moeda falsa por mês.

Durante a deflagração, foram apreendidos dois envelopes, contendo cerca de 3.500 reais em cédulas falsas. As apurações e demais diligências prosseguem.

Seguindo todos os protocolos de cuidados do Ministério da Saúde em face da pandemia do Covid-19, a Polícia Federal continua trabalhando para a manutenção da lei e da ordem, preservando o estado democrático de direito.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Minas Gerais

[email protected] | www.pf.gov.br

Veja Também:  PF realiza diversas ações de combate ao crime de contrabando de cigarros e eletrônicos no Paraná

(31) 3330-5270

Continue lendo

Policia Federal

PF realiza diversas ações de combate ao crime de contrabando de cigarros e eletrônicos no Paraná

Publicado


.

Na madrugada desta sexta-feira, dia 10/07, mais um grande trabalho foi realizado por equipes que participam da OPERAÇÃO HÓRUS, integrada pela POLÍCIA FEDERAL, COBRA/BPFRON e COE/BOPE da PMPR, DOF/MS, TIGRE/PCPR, BOPE/PMMS, FORÇA NACIONAL e pelo EXÉRCITO BRASILEIRO, com apoio da SEOPI – Secretaria de Operações Integradas/MJSP.

 Ocorrência 1 – Guaíra/PR – Durante patrulhamento de rotina na zona rural de Guaíra/PR, policiais visualizaram movimentação suspeita de comboio atrás de mata fechada da região e resolveram realizar aproximação para abordagem. No local foram apreendidos 4 veículos carregados com cigarros de origem paraguaia, totalizando cerca 100 caixas de cigarros.

Ocorrência 2 – Terra Roxa/PR – Como desdobramento desta primeira ocorrência, grande correria iniciou na região entre Guaíra e Terra Roxa, equipe policial logrou êxito em perceber movimentação suspeita de um veículo de transporte e iniciou acompanhamento tático para abordagem. Os criminosos abandonaram o veículo em meio à plantação de milho, não sendo localizados, carregado com aproximadamente 80 caixas de cigarros paraguaios.

Ocorrência 3 – Mercedes/PR – Equipe policial realizava patrulhamento de rotina na zona urbana de Mercedes e percebeu movimentação de pessoas suspeitas em depósito. No local foram realizadas 3 prisões em flagrante e apreendidos 5 veículos e 1 caminhão, carregados com aproximadamente 400 caixas de cigarros paraguaios. Um dos presos tentou empreender fuga, jogando seu veículo contra equipe policial, que foi obrigada a realizar disparos de fogo no intuito de resguardar a integridade física da equipe.

O suspeito foi baleado e socorrido pela equipe policial, tendo sido encaminhado para o Hospital Bom Jesus em Toledo/PR, que constatou que os ferimentos em questão não eram graves – após ser medicado, recebeu alta. Em seguida foi conduzido à Delegacia da Polícia Federal em Guaíra/PR, para lavratura da sua prisão em flagrante junto com os outros dois infratores deste mesmo ato.

Veja Também:  PF e PRF prendem dois traficantes com mais de 30 kg de cocaína em Quissamã/RJ

 Ocorrência 4 – Terra Roxa/PR – Após os trabalhos para prestação de apoio policial na ocorrência anterior, uma equipe desta integração estava retornando para Guaíra/PR e percebeu comboio composto por um veículo e dois caminhões atravessando a BR-163 com carga de cerca de 60 volumes diversos de eletrônicos diversos (celulares, skygato e etc.) e essências de narguilé. De imediato foi iniciado acompanhamento tático embarcado, e os condutores jogaram os veículos contra mata fechada da região, empreendendo fuga e não sendo localizados.

Os presos e os materiais apreendidos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Federal de Guaíra, para os procedimentos de praxe.

 

Comunicação Social da PF em Guaíra/PR

Disque denúncia: (44) 3642-9131

Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana