conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil e Conselho Tutelar apuram denúncias do Disque 100

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil, através da Delegacia Especializada de Defesa da Criança e do Adolescente (Deddica) e em parceria com Conselho Tutelar, deflagrou uma operação de combate a violência contra mulheres, na quarta-feira (06.11) com objetivo de apurar três denúncias recebidas através do “Disque 100” e pelo número 197 da Polícia Civil.

Uma das denúncias informava que duas adolescentes, com idades de 13 e 16 anos, estavam sendo vítimas de exploração sexual, no bairro Jardim Passaredo. Com base nas informações, os policiais da Deddica junto aos conselheiros tutelares se deslocaram até o endereço para averiguação da denúncia.

As menores junto a mãe foram encaminhadas a Deddica para tomadas das providências cabíveis e passarão pela equipe multidisciplinar para que recebem atendimento especializado.

Em outra denúncia, relatava que uma adolescente, de 17 anos, moradora do bairro Pedra 90, estava sendo aliciada para fins de prostituição. No local, as equipes encontraram duas adolescentes em companhia do suspeito, A.S.A., de 29 anos. Questionado, ele disse que estava na casa com as adolescentes por ser amigo de uma delas.

Veja Também:  PM prende homem com 42 kg de drogas que pertenceriam à organização criminosa

Conduzido a delegacia, o suspeito mudou a versão e disse apenas conversar com a menor no interior da residência, porém negou ter mantido relações sexuais com ela. As adolescentes foram submetidas a exame de corpo de delito e também passaram por atendimento psicológico.

Em continuidade aos trabalhos da operação, os policiais diligenciaram em procura de quatro foragidos da justiça, acusados de estupro de vulnerável e que estão com ordens de prisão em aberto, porém nenhum dos alvos foi localizado e as buscas continuam em andamento.

Caso Nilo Póvoas

A Deddica e o Conselho Tutelar também atuam de forma conjunta no caso da adolescente, de 15 anos, que tentou se jogar do 2º piso da Escola Estadual Nilo Póvoas, na Capital.

O trabalho, realizado através da oitiva de pessoas próximas a vítima, visa identificar motivações que teriam levado a menor a praticar o ato.

A Polícia Civil aguarda a adolescente receber alta do hospital para que também possa ser ouvida pela equipe psicossocial da Deddica.

 

Fonte: PJC MT
Veja Também:  Polícia Civil queima mais de 120 quilos de entorpecentes em Sorriso
publicidade

Policial

PM prende suspeitos e fecha casa de apostas de jogo do bicho

Publicado


.

Na manhã deste sábado (06.06), a Polícia Militar prendeu um casal (57 e 54 anos) por prática ilegal do jogo do bicho, em Rondonópolis. Bobinas de papel, R$ 2.300 e comprovantes e máquinas de apostas foram apreendidos na ação da PM.

Por volta das 11h30, policiais militares receberam uma denúncia de que em uma residência havia um grande número pessoas reunidas e que no local funcionava uma casa de apostas ilegais, no bairro Jardim Iguaçu.

Uma equipe da PM foi até a casa denunciada e se deparou com quatro pessoas que saíam do local e relataram que estavam fazendo apostas. As testemunhas mostraram aos policiais os comprovantes eletrônicos das apostas. Diante da situação, a polícia entrou na casa e localizou o casal que promovia os jogos.

Durante a diligência, a polícia apreendeu três máquina de apostas online, 11 tabelas de apostas, 24 cadernos com anotações de jogos, 11 bobinas de papel, centenas de comprovantes em sacolas plásticas e R$ 2.300,00 em dinheiro trocado. Todo o material foi apreendido e o local fechado

Veja Também:  PM traça plano estratégico para segurança de manifestantes e preservação do patrimônio

O casal foi preso em flagrante e entregue à delegacia.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. 

Fonte: PM MT

Continue lendo

Policial

PM traça plano estratégico para segurança de manifestantes e preservação do patrimônio

Publicado


.

A Polícia Militar traçou um plano estratégico de monitoramento e acompanhamento de possíveis mobilizações em espaços públicos, que devem ocorrer no domingo (07.06), em Cuiabá. O efetivo atuará na segurança dos manifestantes e também na preservação do patrimônio público.

De acordo com o planejamento elaborado, o 1º Comando Regional de Cuiabá estará à frente das ações de segurança com o apoio das unidades do Comando Especializado da PMMT.

Além da 20ª Companhia de Força Tática, unidade do próprio 1º CR, caso haja necessidade, está previsto o emprego de equipes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e dos Batalhões de Trânsito, Rotam e Cavalaria.

As possíveis manifestações estão sendo divulgadas em redes sociais, informes e notícias veiculadas na imprensa similares as que ocorreram em outros Estados.

Fonte: PM MT

Veja Também:  PM prende suspeitos e fecha casa de apostas de jogo do bicho
Continue lendo

Policial

Polícia Civil de Pontes e Lacerda recebe doação de máscaras de proteção facial

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil do município de Pontes e Lacerda (448 km a oeste de Cuiabá) por meio da Delegacia Regional, conseguiu através de parceria com Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT), a doação de máscaras de proteção facial (face shield) para uso dos servidores das unidades policiais.

As máscaras de uso individual serão distribuídas para os policiais civis das delegacias de Pontes e Lacerda, e dos municípios de Comodoro, Campos de Júlio, Vila Bela da Santíssima Trindade e Jauru.

Conforme o delegado regional de Pontes e Lacerda, Clayton Queiroz Moura, o doação surgiu em face da pandemia do vírus Covid-19 e da necessidade de uma atuação efetiva e segura dos profissionais de segurança pública lotados na região.

“As máscaras são frutos de uma doação realizada pelo IFMT de Pontes e Lacerda, que em parceria com o Conseg estão desenvolvendo o projeto “Mascovid” coordenado pelo professor e mestre Bernardo Janko Gonçalves Biesseck”, disse Clayton Queiroz Moura. 

Durante visita realizada na tarde de sexta-feira (05.06) ao campus do Instituto Federal e acompanhado do diretor professor e doutor Stefano Teixeira Silva, o delegado da Regional de Pontes e Lacerda conheceu toda a estrutura do projeto e ressaltou a importância do trabalho policial e da adoção de medidas de prevenção e controle desta doença que assola todo o mundo.  

Veja Também:  PM prende suspeitos e fecha casa de apostas de jogo do bicho

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana