conecte-se conosco


Carros

Quem vai precisar de um Golf GTE híbrido que custa R$ 200 mil?

Publicado

source
VW Golf GTE branco arrow-options
Divulgação

Golf GTE: apresentado no Salão de São Paulo de 2014, finalmente começará a ser vendido no Brasil, no último trimestre

A Volkswagen emitiu um comunicado ontem de que o Golf GTE finalmente começará a ser vendido no Brasil. Segundo a Volks, o Golf GTE – um híbrido de 204 cv de potência combinada – dá início ao processo de eletrificação dos modelos da marca, que seguirá com mais cinco novos modelos até 2023. A previsão é de que o Golf híbrido estará à venda no mercado brasileiro no último trimestre de 2019. Segundo o Jornal do Carro, o Golf GTE custará cerca de R$ 200 mil.

LEIA MAIS: testamos o VW Golf GTE, versão híbrida com autonomia de até 900 km

O Golf GTE é um carro interessante, mas talvez esteja chegando na hora errada. O modelo divulgado pelo Volkswagen é o da sétima geração, que dá seus últimos suspiros no Brasil. A oitava geração, conhecida como Golf VIII, será lançada no Salão de Frankfurt deste ano, em setembro. É bastante improvável que o Golf GTE vendido no Brasil seja o da nova geração.

O mais provável é que a Volkswagen do Brasil mantenha o Golf VII no mercado brasileiro. Se fizer isso, talvez o carro se transforme num futuro mico para o consumidor. Não é de hoje que a Volkswagen do Brasil trata mal o seu melhor carro. Segundo a revista Quatro Rodas, “a linha de produção do Golf brasileiro não existe mais”. A informação foi passada por uma fonte ligada à fábrica de São José dos Pinhais (PR). A Volkswagen nega.

VW Golf GTE branco arrow-options
Divulgação

VW Golf GTE chegará com 204 cavalos de potência combinada e boa disposição, mas o desenho logo ficará desatualizado

De qualquer forma, o Golf atual ocupa uma triste 85ª posição no ranking de vendas de automóveis de passeio no Brasil, com apenas 1.052 vendas até o dia 12/08/2019. Se contarmos também os comerciais leves, o VW Golf cai para o 106º lugar no ranking da Fenabrave.

Veja Também:  Startup cria primeiro veículo 100% elétrico a ser fabricado em série no Brasil

Por isso, vale a pergunta: quem precisa de um Golf GTE híbrido de R$ 200 mil? Com certeza, não é o consumidor brasileiro, mas sim a própria Volkswagen. E eu explico o porquê. O Golf GTE foi apresentado ao público brasileiro no Salão de São Paulo de 2014.Portanto, ele está chegando cinco anos depois.

Ford Fusion hybrid branco arrow-options
Divulgação

Ford Fusion Hybrid: já há algum tempo no mercado, o sedã é bastante confortável e tem um preço competitivo.

Se for confirmado o preço de R$ 200 mil estimado pelo Jornal do Carro e a provável utilização da sétima geração, o Golf híbrido nada mais será do que um teste de mercado. Evidentemente o Golf VII ainda é um ótimo carro, mas no caso de uma versão eletrificada estamos falando de tecnologia de ponta. Os consumidores que compram carros híbridos e elétricos são mais exigentes.

Só para citar alguns exemplos, hoje o mercado brasileiro oferece opções muito interessantes. O Ford Fusion Hybrid , um carro mais confortável do que o Golf, custa R$ 183 mil. Já o Toyota Prius, que têm um mercado forte, sai por R$ 128.530. Quanto aos 100% elétricos – que a Volkswagen considera o seu futuro –, as opções vão desde um Renault Zoe de R$ 150 mil até um BMW i3 de R$ 206 mil, passando ainda por um Chevrolet Bolt de R$ 175 mil e por um Nissan Leaf de R$ 195 mil.

A história do Golf se repetirá?

VW, golf, hatch arrow-options
Reprodução/Dream Auto Car

Golf VIII: como mostra a projeção do site Dream Auto Car, o carro da VW será muito mais arrojado em termos visuais

 Segundo a revista Auto Esporte, o “GTE faz parte de um projeto piloto para a marca adentrar com cautela no mercado de carros eletrificados no país”. O presidente da Volkswagen, Pablo Di Si, disse para Auto Esporte: “Estamos aprendendo também. Vamos escolher três ou quatro concessionárias a princípio e ir testando”. Óbvio que o atual presidente da Volks não tem nada com isso, mas essa história parece repetir um fato ocorrido com o Golf no passado.

Veja Também:  Honda CB 250F Twister SE chega às lojas em edição especial

Em 1995, poucos meses depois de o Golf III ter sido lançado na Alemanha, a Volkswagen trouxe o carro importado para o Brasil. O sucesso foi imediato. Naquela altura, o Golf era um carro com 21 anos de história, pois foi lançado em 1974, e já tinha um carisma que o levaria a ser o Volkswagen mais vendido de todos os tempos, mais do que o próprio Fusca.

LEIA MAIS: Ford lança Fusion Hybrid renovado no Brasil com foco na economia 

BMW i3 vermelho
Divulgação

BMW i3: 100% elétrico, o carro alemão custa pouco mais do que está sendo estimado pelo Golf GTE

Em 2007, a economia brasileira ia bem e a Volkswagen decidiu fabricar no Brasil o Golf IV, já na metade da vida daquela geração. Porém, logo o Golf IV ficou para trás, pois na Europa surgiu o Golf V e ele não veio para o Brasil. Foi uma fase em que os carros brasileiros perderam terreno para os europeus.

A má estratégia levou ao fim da fabricação do Golf IV. Só na sétima geração o Golf voltou a ser produzido no Brasil. Chegou com um motor 1.4 turbo e com a empolgante versão GTI 2.0. Aos poucos, porém, o Golf foi perdendo versões e a sua 85ª posição no ranking de carros de passeio mostra que, infelizmente, o sonho acabou, como revelou Quatro Rodas.

Aparentemente, a Volkswagen vai usar o Golf GTE, cinco anos depois, para aprender a atuar no mercado de carros eletrificados. Mas hoje vivemos na modernidade líquida (Bauman), um tempo em que tudo se modifica muito rapidamente. Os próprios carros passaram a ser “líquidos”, com modificações constantes e rápidos aprimoramentos tecnológicos. Só há incertezas, por toda parte.

LEIA MAIS:  Flagra! Nova geração do VW Golf é vista sem camuflagem na Alemanha

Por isso, o Golf GTE , um híbrido plug-in que terá autonomia para rodar 50 km no modo elétrico, com a vantagem de poder ser carregado na tomada de casa ou do trabalho a qualquer hora do dia, talvez seja o carro certo na hora errada. Se é para ser um teste, seria interessante que seu preço fosse acessível. Será que será? 

Fonte: IG Carros
publicidade

Carros

Harley-Davidson anuncia desconto para as Iron e mais condições especiais

Publicado

source
Harley arrow-options
Guilherme Marazzi

Para os saudosistas, a pintura do tanque da Harley-Davidson Iron 1200 é uma viagem ao passado

A Harley-Davidson anunciou uma redução de preços para toda a sua família Sportster. Composta pelos modelos Iron 883 e Iron 1200, eram cobrados R$ 43.900 pela primeira, antes da redução de R$ 4 mil para os atuais R$ 39.900. Enquanto isso, a 1200 saía por R$ 47.400 e agora sai por R$ 43.900, após R$ 3,5 mil de redução.

LEIA MAIS: A nova Harley-Davidson Low Rider S em grande estilo

Tanto a Iron 883 quanto a Iron 1200 são motos mais básicas quando comparadas a outras Harley-Davidson . Para ambas, há apenas uma opção de cor extra que adiciona R$ 1 mil ao preço, bem como opção de assento para o passageiro, entre os outros acessórios. Por outro lado, enquanto a 883 tem motor V2 de 883 cm³, que rende 6,8 kgfm, a Iron 1200 vem equipada com um 1.202 cm³ que gera 9,4 kgfm. As duas chegam com câmbio de cinco marchas.

Veja Também:  Land Rover Discovery 2020 chega ao Brasil; veja preços

LEIA MAIS: Harley-Davidson traz ao Brasil três novos modelos da linha 2020

Supervalorização de seminova

Harley arrow-options
Divulgação

Harley-Davidson FXDR custa R$ 79.990, e é a mais beneficiada com a supervalorização da seminova

Além dessa campanha, a marca também oferece condições especiais para a compra de qualquer moto 2019 da linha, com uma supervalorização de até R$ 10 mil na seminova, dependendo do modelo adquirido. As motocicletas estão disponíveis para test ride em toda a rede de concessionárias autorizadas da marca no país, de acordo com a disponibilidade.

LEIA MAIS: Harley-Davidson revela dois lançamentos inéditos: uma off-road e uma esportiva

Entre as Harley-Davidson mais procuradas, estão a FXDR 114 2019 — com o maior valor de supervalorização de seminova oferecido (R$ 10 mil), que vem equipada com motor Milwaukee-Eight 114 que entrega 16,11 kgfm, filtro de ar esportivo, escapamento 2 em 1, suspensão dianteira invertida, rodas e balança em alumínio — além das Sport Glide, Fat Bob e Fat Boy, com supervalorização de R$ 5 mil.

Veja Também:  Polo e Virtus ficam mais completos na linha 2020; veja detalhes

Fonte: IG Carros
Continue lendo

Carros

Honda CB 250F Twister SE chega às lojas em edição especial

Publicado

source
Honda arrow-options
Divulgação

Honda CB 250F twister SE: Naked é a mais sofisticada dentro da linha de motos urbanas

A Honda CB 250F Twister SE (Special Edition) acaba de chegar às lojas por R$ 14.945,00 (CBS) e R$ 15.945 (ABS). Revelada no Salão Duas Rodas 2019, a novidade tem cores e grafismos exclusivos, criados pela área de design da Honda Brasil. Ela traz pintura azul com detalhes em cinza, além de rodas e outros detalhes visuais em laranja. O objetivo é fazer alusão à CB 650F.

LEIA MAIS: A Honda CB 250F Twister ficou mais segura

Apesar das mudanças, a edição especial da Honda CB 250F Twister manteve o seu conjunto mecânico. Ou seja, segue com o motor monocilíndrico de 249,5 cm³ flexível, que rende até 22,6 cv a 7.500 rpm e 2,2 kgfm a 6.000 rpm, bem como o câmbio de seis marchas. Para ajudar a compor o visual, a Honda CB Twister tem lanterna traseira com lâmpadas de LED no lugar das convencionais. Outro ponto interessante é que o painel do tipo “black-out” segue o estilo adotado em modelos de alta cilindrada, com ícones e números digitais.

Veja Também:  Primeiro Corvette C8 é arrematado nos EUA por US$ 3 milhões

LEIA MAIS: Honda CG 160 chega à linha 2020 mais cara e com novos grafismos

Mais detalhes da mecânica

Honda arrow-options
Divulgação

Naked com qualidades de motos esportivas é conhecida pela mecânica simples e confiável

Enquanto isso, seja na versão CBS ou ABS, a edição especial Honda Twister SE traz freio a disco nas duas rodas. Na dianteira, um simples de 276 mm e três pistões, e atrás um de 220 mm com dois pistões. A única diferença fica por conta da pinça. Como se não bastasse, também é equipada com um conjunto de suspensão composto por duas molas, o que trouxe resultados superiores para fins de conforto, estabilidade e absorção de impactos, nos testes realizados pela Honda.

LEIA MAIS: Confira os 5 próximos lançamentos das motos 2020 mais em conta

Vale lembrar que a Honda CB 250F Twister convencional vem na cor amarela com rodas pretas — na versão ABS (R$ 15.490) — ou prata com rodas pretas, ou vermelha com rodas vermelhas na versão CBS (R$ 14.490). Mesmo que tenha aumentado R$ 1.000 em ambas as versões (ante a linha 2019), a moto é pensada para entregar custo-benefício, em uma classe acima da “irmã” CG.

Veja Também:  Audi A4 Avant S-Line: para poucos e bons

Fonte: IG Carros
Continue lendo

Carros

Land Rover Discovery 2020 chega ao Brasil; veja preços

Publicado

source

Motor Show

Land Rover Discovery arrow-options
Divulgação

Land Rover Discovery

A Land Rover iniciou as vendas do Discovery Sport 2020. O novo modelo chega ao mercado brasileiro com novo design, aprimoramento do interior premium, e em versões a partir de R$ 232.500,00 na motorização 2.0l P250 flex de 250 cv, além de versões com motor 2.0l D180 diesel de 180 cv.

LEIA MAIS: Polo e Virtus ficam mais completos na linha 2020; veja preços

Entre seus novos recursos, o Discovery Sport 2020 oferece a nova interface de entretenimento chamada InControl Touch Pro Infotainment. Algumas versões contam ainda com o painel de instrumentos digital de 12 polegadas e configuração de 7 lugares (opcional) com arranjo de assentos.

A nova plataforma PTA Premium Transverse Architecture (ou Arquitetura Transversal Premium) da Land Rover é outro mudança. A nova estrutura é 13% mais rígida que a antecessora, reduzindo o nível de ruído e vibração na cabine w dando mais segurança em caso de acidente.

O SUV está disponível em três versões: a S, SE e R-Dynamic SE, todas com a opção de motor P250 flex ou D180 diesel. A topo de linha, R-Dynamic SE, inclui rodas pretas, para-choques dianteiro e traseiro exclusivos e as identificações do modelo no capô e na traseira na cor Shadow Atlas.

Veja Também:  Primeiro Corvette C8 é arrematado nos EUA por US$ 3 milhões

No interior, um ar mais esportivo com os assentos em couro preto com costura contrastante, borboletas pretas no volante e soleiras exclusivas. Além disso, conta ainda com fechamento elétrico e automático do porta malas, novo sistema de Navegação Pro, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, bancos da segunda fileira com ajustes manuais, assistente de manutenção de faixa, monitor de condição do motorista.

LEIA MAIS: Confira os preços da linha 2020 da Volkswagen Amarok

O novo Discovery Sport é equipado com motores Ingenium 2.0l de 4 cilindros nas versões P250 flex e D180 diesel desenvolvidos pela Jaguar Land Rover. Ambas as motorizações acompanham o câmbio automático de 9 marchas .

Land Rover Discovery arrow-options
Divulgação

Land Rover Discovery mantém sua característica aventureira na linha 2020

No modelo 2020, o acionamento do câmbio passa do seletor rotativo para uma alavanca, com a possibilidade de seleção dos modos Normal e Sport, permitindo as trocas de marcha pela própria alavanca ou pelas borboletas atrás do volante (disponível apenas nas versões R-Dynamic SE).

Veja Também:  Startup cria primeiro veículo 100% elétrico a ser fabricado em série no Brasil

LEIA MAIS: Novo Equinox 1.5 é mais equilibrado que o 2.0 Premier

Aliado a isso, o modelo conta com sistema Terrain Response 2, de série em todas as versões. Com ele, o condutor pode, não só escolher entre cinco modos de direção (Eco, Asfalto, Areia, Grama/Cascalho/Neve e Lama/Buracos) mas, também, contar com o modo Automático, que permite o veículo selecionar o modo mais apropriado para as condições, ajustando as configurações de tração e relação de marchas automaticamente, de acordo com o tipo de terreno, proporcionando o nível mais elevado de segurança e conforto.

Veja abaixo os preços e versões disponíveis do novo Discovery Sport :

VERSÕES

PREÇO

P250 Flex S

R$ 232.500,00

P250 Flex SE

R$ 249.500,00

P250 Flex R-Dynamic SE

R$ 266.985,00

D180 S

R$ 252.500,00

D180 SE

R$ 274.500,00

D180 R-Dynamic SE

R$ 291.985,00

Fonte: IG Carros
Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana