conecte-se conosco


Esportes

Seleção olímpica é convocada para competição e desfalca times no Brasileiro

Publicado


André Jardine de pé
CBF/Divulgação

André Jardine é o técnico da seleção olímpica

O técnico André Jardine
convocou nesta quarta-feira a seleção olímpica que disputará o Torneio Maurice Rivello, na França, mais conhecido como Torneio de Toulon
. O comandante listou 22 jogadores para disputa da competição, que será realizada entre os dias 1º e 15 de junho.

Leia também: TV Globo “dá o troco” no Palmeiras e coloca jogos da Copa do Brasil no PPV

Esta será a primeira etapa de preparação da seleção olímpica
que, em janeiro do próximo ano, irá em busca de uma vaga nos Jogos de Tóquio 2020. O Pré-Olímpico será disputado na Colômbia e classificará duas seleções para as Olimpíadas no Japão.

Alguns nomes que atuam no futebol brasileiro foram chamados: Antony (São Paulo), Rodrygo (Santos), Pedro (Fluminense), Mateus Vital e Pedrinho (Corinthians), Lucão (Vasco), Ivan (Ponte Preta), Murilo (Cruzeiro), Guga (Atlético-MG), Iago Borduchi (Internacional), Renan Lodi (Athletico-PR) e Matheus Henrique (Grêmio).

Todos esses atletas serão desfalques de seus times no Brasileirão e perderão as 7ª, 8ª e 9ª rodadas. Além, também, de eventuais compromissos na Copa do Brasil e Copa Sul-Americana.

Leia também: Clubes poderão usar estádios da Copa América até a 8ª rodada do Brasileirão

Veja Também:  Barcelona vence Valladolid e segue na disputa do Campeonato Espanhol

Nesta edição do Torneio de Toulon, a seleção brasileira
está no Grupo B, juntamente com Catar, Guatemala e os anfitriões franceses. Também estão na disputa da competição Japão, Chile, Inglaterra, Portugal, China, Bharein, Irlanda e México. Os primeiros colocados de cada chave, além do melhor segundo lugar se classificam para a semifinal.

“Entendemos a importância de estarmos iniciando este trabalho rumo aos Jogos Olímpicos
, o que também é a busca pela manutenção da nossa medalha de ouro. Estamos indo com uma equipe forte, acreditamos bastante no potencial e experiência desses jogadores para atingirmos um bom nível de atuações rapidamente”, comentou André Jardine.

Octacampeão do Torneio de Toulon, o Brasil já teve diversos craques desfilando o seu talento na competição. Nomes como Cafu, Kaká, Leonardo e Márcio Santos (na edição de 1990), Taffarel e Mazinho (1987) e Jorginho já levantaram este troféu. Careca, Mozer, Adriano, César Sampaio e Juninho Pernambucano são mais alguns brasileiros que também se destacaram em outras edições do torneio.

“É uma satisfação participar de um torneio tão tradicional e levando uma Seleção com muitos bons nomes. Sabemos da história que o Brasil tem nesta competição e a gente acredita estar indo com um grupo à altura”, analisou Jardine.

Veja Também:  Covid-19: Santa Catarina cancela partida entre Avaí e Chapecoense

Leia também: São Paulo ou Flamengo? Justiça exige que CBF decida destino da Taça das Bolinhas

A delegação brasileira se apresenta no dia 27 de maio no Brasil e embarca diretamente para Marselha, na França. A estreia da seleção olímpica
está marcada para o dia 2 de junho contra a Guatemala. Três dias depois, o Brasil pega a França, em 5 de junho. O encerramento da primeira fase será no dia 8, contra o Catar.

Confira a lista de convocados:


Goleiros

Lucão – Vasco da Gama
Lucas Perri – Crystal Palace (Inglaterra)
Ivan – Ponte Preta


Defensores

Gabriel – Lille (França)
Murilo Paim – Cruzeiro
Luiz Felipe – Lazio (Itália)
Lyanco – Bologna (Itália)
Emerson – Real Betis (Espanha)
Guga – Atlético-MG
Iago Borduchi – Internacional
Renan Lodi – Athletico-PR


Meio-campistas

Douglas Luiz – Girona (Espanha)
Thiago Maia – Lille (França)
Tabata – Portimonense (Portugal)
Wendel – Sporting (Portugal)
Mateus Vital – Corinthians
Matheus Henrique – Grêmio


Atacantes

Pedrinho – Corinthians
Matheus Cunha – RB Leipzig (Alemanha)
Rodrygo – Santos
Antony – São Paulo
Pedro – Fluminense​

publicidade

Esportes

Polícia inglesa investiga ofensas racistas a jogador do Crystal Palace

Publicado


.

Um torcedor de 12 anos foi detido após o jogador marfinense Wilfried Zaha revelar ter sido alvo de insultos racistas no seu perfil pessoal no Twitter antes do jogo da equipe dele, o Crystal Palace, contra o Aston Villa.

A polícia da região confirmou ao jornal Daily Mail que o suspeito foi levado como parte da investigação. A Premier League acompanha o caso e considera que a ação faz parte de um sistema de abuso. A Associação dos Jogadores Profissionais (PFA) disse, no seu perfil oficial no Twitter, que “mensagens enviadas ao jogador Wilfried Zaha foram doentias e aborrecedoras. Os atletas continuam sendo alvos desse implacável abuso na internet”.

Ao jornal inglês, a entidade afirmou: “Enquanto ficamos satisfeitos que o ofensor tenha sido detido, o fato de uma criança de 12 anos ter enviado esse tipo de material é extremamente lamentável. Esses incidentes só comprovam que precisamos de uma regulamentação rigorosa das redes sociais”.

Veja Também:  Sem público, Fluminense e Flamengo se enfrentam na final do Estadual

Já Roy Hodgson, técnico do Crystal Palace, declarou: “Acho que jogadores e clubes devem manter a atenção aos frequentes abusos sofridos. As manifestações do ‘Vidas Negras Importam’, que tomaram conta do mundo todo, trazem a chance que precisamos para erradicar esse tipo de coisa. É muito triste um jogador sofrer esse tipo de abuso covarde e desprezível, ainda mais no dia de uma partida”.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Esportes

Carioca: Flamengo vence Fluminense no primeiro jogo da final

Publicado


.

O Flamengo venceu o Fluminense por 2 a 1 neste domingo (12), no estádio do Maracanã, no primeiro jogo da final do Campeonato Estadual. Os gols da partida foram marcados por Pedro e Michael, para o Rubro-negro, enquanto Evanilson descontou para o Tricolor. Com este resultado, a equipe do técnico Jorge Jesus pode até empatar o jogo de volta para garantir o bicampeonato da competição. Já o tricolor terá de vencer por dois gols de vantagem para garantir o caneco. Caso os tricolores vençam pela diferença de um gol, o Carioca será definido em cobranças de pênalti.

A equipe do técnico Odair Hellmann iniciou o primeiro tempo ditando o ritmo do jogo. Os tricolores foram os primeiros a arriscar, em um chute cruzado do atacante Evanilson aos 7 minutos, mas Diego Alves defendeu. Gabigol respondeu aos 15, com finalização de fora da área defendida pelo goleiro Muriel.

Com o decorrer da partida, o Flamengo foi melhorando. E aos 28 Pedro transformou esta superioridade em gol, com um chute preciso na saída do goleiro tricolor. A oportunidade foi criada após troca de passes envolvente do trio Vitinho, Arrascaeta e Diego.

flamengo x fluminense flamengo x fluminense

Flamengo e Fluminense fizeram jogo muito disputado no Maracanã – Marcelo Cortes/Flamengo/Direitos Reservados

Veja Também:  Com dois do brasileiro Neymar, PSG faz nove no Le Havre

Com desvantagem no marcador, os tricolores chegaram com perigo aos 43, quando Egídio cruzou para Evanilson, que, por muito pouco, não cabeceia livre na grande área.

O Fluminense retornou para a segunda etapa pressionando. Assim, logo aos 6 minutos Dodi finalizou da intermediária, obrigando Diego Alves a espalmar para evitar o empate. Aos 13, o meia Yago Felipe recebeu na grande área, puxou para o meio e bateu de perna esquerda, mas o goleiro rubro-negro salvou mais uma.

Contudo, aos 14 o atacante Evanilson não perdoou. Ele recebeu o cruzamento de Egídio e concluiu com liberdade na pequena área, e deixou tudo igual.

Rio de Janeiro - 12/07/2020 - Maracanã.  Fluminense enfrenta o Flamengo esta tarde pela primeira partida da final do Campeonato Carioca 2020.  FOTOS: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.    .  IMPORTANTE: Imagem destinada a uso institucional e divulgação, Rio de Janeiro - 12/07/2020 - Maracanã.  Fluminense enfrenta o Flamengo esta tarde pela primeira partida da final do Campeonato Carioca 2020.  FOTOS: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.    .  IMPORTANTE: Imagem destinada a uso institucional e divulgação,

Evanilson comemora seu gol, o do empate tricolor – Lucas Mercon/Fluminense F.C./Direitos Reservados

Aos 22, o Fluminense quase virou o marcador, quando Gilberto, próximo à linha de fundo, rolou a bola para Hudson, que bateu no centro da meta do goleiro Diego Alves, que defendeu.

Mas, quando o tricolor estava mais próximo do gol, Rafinha lançou Gabigol, que passou por Egídio e tocou para Michael. O camisa 19 teve apenas o trabalho de escorar para o fundo da rede aos 28 minutos para fazer o seu. Flamengo 2 a 1.

flamengo x fluminense flamengo x fluminense

Michael garantiu a vitória do Rubro-negro – Alexandre Vidal / Flamengo/Direitos Reservados

Veja Também:  Libertadores volta em 15 setembro; Sul-Americana, em 27 de outubro

No finalzinho do jogo, aos 45 minutos, Caio Paulista arriscou de longa distância, e a bola passou acima da trave.

Expulsão de Gabigol

Nos acréscimos o Flamengo sofreu um duro golpe, quando Gabigol tomou o segundo cartão amarelo na partida e, consequentemente, o vermelho. O árbitro Wagner do Nascimento Magalhães interpretou que o jogador retardou sua saída de campo no momento da substituição pelo zagueiro Léo Pereira. Com isso, o atacante está fora do segundo jogo da decisão.

flamengo x fluminense flamengo x fluminense

Gabigol foi expulso, e desfalca Flamengo no segundo jogo da final – Marcelo Cortes/Flamengo/Direitos Reservados

Segunda partida da decisão

Flamengo e Fluminense são os maiores vencedores do Campeonato Estadual, com os flamenguistas tendo gritado campeão 35 vezes, e os tricolores em 31 oportunidades.

O segundo jogo da decisão será na próxima quarta (15), às 21h30, no estádio do Maracanã.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Esportes

Com dois do brasileiro Neymar, PSG faz nove no Le Havre

Publicado


.

Após mais de 120 dias afastado dos gramados, o PSG voltou a jogar neste domingo (12), e não poupou gols. A equipe de Neymar e companhia derrotou, por 9 a 0, o Le Havre, da segunda divisão francesa, em amistoso no estádio do rival para aproximadamente cinco mil torcedores.

No primeiro tempo, o camisa dez da seleção brasileira Neymar marcou dois gols, o argentino Mauro Icardi também anotou duas vezes e o atacante Mbappé, campeão mundial com a seleção francesa, fez mais um.

No intervalo, o técnico alemão Thomas Tuchel fez dez mudanças, incluindo a entrada do capitão Thiago Silva, que está em final de contrato.

Na etapa final, com dois gols de Sarabia, um de Gueye e outro de Kalimuendo, o PSG fechou o placar.

O primeiro jogo oficial do PSG após a parada forçada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19) e pelo encerramento antecipado do campeonato francês será no dia 24 de julho, diante do Saint-Étienne no Stade de France.

Edição: Fábio Lisboa

Veja Também:  Com dois do brasileiro Neymar, PSG faz nove no Le Havre

Continue lendo

Links Úteis

Rondonópolis

Policial

Política MT

Entretenimento

Mais Lidas da Semana